Show simple item record

dc.contributor.authorAlves, Sérgio da Conceição, 1988-pt_BR
dc.contributor.otherKrueger, Cláudia Pereira, 1964-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Terra. Programa de Pós-Graduação em Ciências Geodésicaspt_BR
dc.date.accessioned2021-03-18T18:49:10Z
dc.date.available2021-03-18T18:49:10Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/66319
dc.descriptionOrientadora: Profª. Drª Cláudia Pereira Kruegerpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Programa de Pós-Graduação em Ciências Geodésicas. Defesa : Curitiba, 31/07/2019pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 98-102pt_BR
dc.description.abstractResumo: O levantamento batimétrico tem como objetivo a determinação e representação gráfica do relevo topográfico de áreas submersas. O detalhamento da superfície topográfica submersa é uma inferência da disposição dos dados batimétricos e da precisão de aquisição destes dentro dos limites especificados para cada equipamento ecobatimétrico. Por conseguinte, a precisão do Modelo Digital da Superfície Submersa (MDSS) está relacionada a esses preceitos e, consequentemente, infere na precisão volumétrica de reservação. O presente trabalho buscou investigar, em uma primeira etapa, a precisão dos dados batimétricos medidos com o ecobatímetro South SDE 28S em uma piscina com dimensões conhecidas. Neste experimento constatou-se a influência do efeito de borda nos dados; o surgimento de spikes devido a presença de objetos submersos, a identificação dos objetos no MDSS e sua posição em relação à altura da lâmina d'água e; determinou-se, também, a acurácia na determinação do volume dos MDSS do ambiente teste, que ficou 4,76% menor que o volume real da piscina, esta acurácia foi usada como parâmetro para validar os resultados obtidos na segunda fase do trabalho. Nessa fase realizou-se um levantamento batimétrico no pré-reservatório do Passaúna, localizado na região metropolitana de Curitiba-PR. Com os resultados, verificou-se que a variação volumétrica de preenchimento dos MDSS gerados com dados posicionados horizontalmente pelo método absoluto cinemático e interpolados com o Kriging (KRG) e o Inverse Distance Weighted (IDW) foi de 4,76% quando as Linhas Regulares de Sondagem (LRS) ficaram espaçadas entre 30 e 180 metros. Palavras-Chave: MDSS. Levantamento Batimétrico. Métodos de posicionamento da embarcação. Interpolação dos dados batimétricos.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: Bathymetry aims to study and represent graphically the underwater natural features. The submerged topography breakdown on these areas is directly related to the bathymetric data arrangement and the echo-sounder specifications. Therefore, the Digital Submerged Surface Model (MDSS) accuracy is related to these precepts, which also implies the computation of reservoir volume. The present work sought to investigate, in a first stage, the bathymetric data accuracy measured with a single beam echo sounder, South SDE 28S. The test was made into a swimming-pool, which its dimensions were known. In this experiment was observed the interference on the data due the transducer approaching to swimming-pool wall; was possible to identify the submerged objects on the MDSS, their depth, and the occurrence of spikes due the presence of these objects; was possible also to compute the swimming-pool volume accuracy by comparing the volume from MDSS surface and the swimmingpool real volume, which was 4.76% lower. This accuracy was used as a parameter to validate the results obtained in the second phase this research. However, the second phase, a bathymetry survey was performed at Passaúna pre-reservoir, located in Curitiba's metropolitan area. The results showed the volumetric variation from the MDSS surfaces generated with data positioned horizontally by the absolute kinematic method and interpolated with Kriging (KRG) and Inverse Distance Weighted (IDW) was near to 4.76% with Regular Bathymetric Section (LRS) spaced between 30 meters up to 180 meters. Key-words: MDSS. Bathymetric survey. Horizontal positioning methods. Bathymetric data interpolation methods.pt_BR
dc.format.extent1 arquivo (108 p.) : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectReservatoriospt_BR
dc.subjectAbastecimento de águapt_BR
dc.subjectEcobatímetropt_BR
dc.subjectGeodésiapt_BR
dc.titleInvestigação da variação volumétrica de reservatório de abastecimento de água mediante o emprego de diferentes espaçamentos entre as linhas regulares de sondagempt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record