Show simple item record

dc.contributor.authorBento, Bárbara Thamires Schneider, 1990-pt_BR
dc.contributor.otherCastilho-Weinert, Luciana Vieira, 1981-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor Litoral. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentávelpt_BR
dc.date.accessioned2020-03-04T20:38:43Z
dc.date.available2020-03-04T20:38:43Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/66022
dc.descriptionOrientadora: Prof.ª Dr.ª Luciana Vieira Castilho Weinertpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa : Matinhos, 24/09/2019pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 83-93pt_BR
dc.description.abstractResumo: O desenvolvimento adequado na infância repercute ao longo de toda a vida adulta e no ambiente em que os indivíduos se inserem. Seguindo este princípio o objetivo do estudo foi identificar características relacionadas à saúde no primeiro ano de vida, avaliadas em um quinquênio (2013 a 2018) e relacioná-las ao território de forma a possibilitar o norteamento de políticas públicas direcionadas à infância no município de Pontal do Paraná - PR. Este estudo tratou-se de uma pesquisa qualitativa observacional, transversal e retrospectiva, realizada com participantes da faixa etária entre 1 e 12 meses, de ambos os sexos, cujos pais autorizaram a sua participação. Inicialmente foi realizada uma pesquisa no banco de dados sobre saúde, condicionantes socioeconômicos e ambientais, e motricidade na primeira infância, coletados ao longo de um quinquênio (2013 a 2018) nas Unidades Básicas de Saúde (USB) do Município. Posteriormente identificou-se e caracterizou-se o atraso motor com base nos marcos do Desenvolvimento Motor Típico. Em seguida realizou-se o reconhecimento territorial, por meio da obtenção das coordenadas geográficas para o georreferênciamento dos atrasos, dividindo-os por bairros e relacionando-as com as políticas públicas vigentes. Das 2058 crianças avaliadas, 22,93% (472) apresentaram atraso dentre elas 452 (96,17%) apresentaram atraso motor leve, 18 (3,83%) atraso moderado e 2 (0,42%) atraso grave no desenvolvimento motor. A média geral de apgar no primeiro minuto foi 8,68 ± 1,24 e no quinto minuto de 9,75 ± 0,58. A média de comprimento ao nascer foi 48,77 ± 2,54 centímetros e de peso 3280,70 ± 526,52 gramas. Dos partos 1278 (63,20%) foram vaginais e 744 (36,79%) por cesariana. A idade média gestacional foi de 38,85 ± 1,50 semanas. A frequência anual de nascimentos prematuros foi de 105 ocorrências. Das 76 (3,69%) crianças avaliadas que necessitaram de internamento em Unidade de Terapia Intensiva, 439 (21,33%) apresentaram Icterícia, 184 crianças apresentaram alguma intercorrência no primeiro ano de vida. A representação espacial dos pacientes realizada através da ferramenta de geoprocessamento por bairro/balneário foi composta por 4 mapas dividindo as áreas com atrasos leves, moderados e graves. Este estudo propiciou traçar o perfil neuropsicomotor de crianças menores de um ano avaliadas no território em questão georreferênciando-as de acordo com o bairro de residência e identificando as áreas de maior vulnerabilidade e consequentemente maior número de atrasos do desenvolvimento. Desta forma foi possível identificar quais políticas públicas estão vigentes no município além de possibilitar discutir a implementação de novas políticas. Palavras-chave: Políticas Públicas; Desenvolvimento Motor Típico; Georreferenciamento; Desenvolvimento Infantil.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: Proper development in childhood has repercussions throughout adulthood and the environment in which individuals operate. Following this principle, the objective of the study was to identify health-related characteristics in the first year of life, evaluated in a five-year period (2013 to 2018) and to relate them to the territory in order to guide the orientation of public policies aimed at children in the city of Pontal. of Paraná - PR. This study was a qualitative observational, crosssectional and retrospective study, conducted with participants between the ages of 1 and 12 months, of both sexes, whose parents authorized their participation. Initially, a survey was conducted in the database on health, socioeconomic and environmental conditions, and early childhood motor skills, collected over a five-year period (2013-2018) at the Basic Health Units (USB) of the Municipality. Subsequently, the motor delay was identified and characterized based on the typical motor development milestones. Subsequently, territorial recognition was carried out by obtaining geographic coordinates for the georeferencing of delays, dividing them by neighborhoods and relating them to current public policies. Of the 2058 children evaluated, 22.93% (472) had delay among them 452 (96.17%) had mild motor delay, 18 (3.83%) moderate delay and 2 (0.42%) severe motor development delay. . The overall mean apgar score in the first minute was 8.68 ± 1.24 and in the fifth minute 9.75 ± 0.58. The average length at birth was 48.77 ± 2.54 centimeters and weight 3280.70 ± 526.52 grams. Of the deliveries 1278 (63.20%) were vaginal and 744 (36.79%) by cesarean section. The average gestational age was 38.85 ± 1.50 weeks. The annual frequency of premature births was 105 occurrences. Of the 76 (3.69%) children evaluated who required hospitalization in the intensive care unit, 439 (21.33%) had jaundice, 184 children had some complications in the first year of life. The spatial representation of the patients through the neighborhood / bathing geoprocessing tool was composed of 4 maps dividing the areas with mild, moderate and severe delays. - according to the neighborhood of residence and identifying the areas of greatest vulnerability and consequently the greatest number of developmental delays. Thus, it was possible to identify which public policies are in force in the city, as well as to discuss the implementation of new policies. Keywords: Public Policies; Typical Motor Development; Georeferencing; Child development.pt_BR
dc.format.extent102 p. : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPolítica públicapt_BR
dc.subjectDesenvolvimento motorpt_BR
dc.subjectGeorreferenciamentopt_BR
dc.subjectDesenvolvimento infantilpt_BR
dc.titleDesenvolvimento infantil e políticas públicas de atenção integral à saúde da criança no litoral do Paranápt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record