Show simple item record

dc.contributor.advisorLuz Junior, Luiz Fernando de Lima, 1966-pt_BR
dc.contributor.authorValt, Emersonpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Tecnologia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Ciência dos Materiais - PIPEpt_BR
dc.date.accessioned2019-09-26T16:38:25Z
dc.date.available2019-09-26T16:38:25Z
dc.date.issued2006pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/6463
dc.descriptionOrientador: Luiz Fernando de Lima Luz Jrpt_BR
dc.descriptionDissertaçao (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduaçao em Engenharia - PIPE. Defesa: Curitiba, 2006pt_BR
dc.descriptionInclui bibliografia e anexospt_BR
dc.descriptionÁrea de concentraçao: Engenharia de processos térmicos e químicospt_BR
dc.description.abstractResumo: A gasolina é um combustível de ampla utilizaçao, e é composta por aproximadamente quatrocentos compostos diferentes e desconhecidos em sua maioria. Devido ao grande número de compostos presentes, a previsao das propriedades físico-químicas torna-se um trabalho complexo, somente possível através do agrupamento dos compostos com mesmas características formando uma pseudocomposiçao. Para a previsao das propriedades caracterizaram-se e agruparam-se os compostos da mistura, segundo o número de carbonos presentes nas moléculas formando uma série de doze pseudocomponentes. Neste trabalho, para melhorar o desempenho do modelo termodinâmico foi realizada uma otimizaçao pela soma do quadrado dos desvios entre a curva de destilaçao da gasolina através de parâmetros agregados aos peudocomponentes e os dados experimentais de destilaçao. O modelo heurístico evolutivo utilizado foi o algoritmo genético, que faz interface com o modelo termodinâmico de prediçao de propriedades. Os resultados mostraram concordância com os valores experimentais, tanto para a gasolina sem álcool etílico quanto para a gasolina comercial; contudo, ambas apresentam um desvio na curva de destilaçao próximo aos 90% do destilado devido a alteraçoes na composiçao química da gasolina que ocorrem a temperaturas elevadas. O modelo mostrou-se eficiente na parametrizaçao da pseudocomposiçao, podendo ser aplicado como uma ferramenta alternativa na detecçao da qualidade do combustível. Palavras-chave: Algoritmo genético, gasolina, propriedades físico-químicas, curva de destilaçao, pseudocomponentespt_BR
dc.format.extent112f. : grafs., tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectGasolinapt_BR
dc.subjectGasolina - Físico-químicapt_BR
dc.subjectEngenhariaspt_BR
dc.titleEstimaçao de parâmetros por algoritmo evolucionário para otimizaçao de um modelo termodinâmico preditivo de propriedades físico - químicas da gasolinapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record