Show simple item record

dc.contributor.advisorTesser, Gelson João, 1955-pt_BR
dc.contributor.authorSzymczak, Adrianept_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Curso de Especialização em Gestão de Negóciospt_BR
dc.date.accessioned2019-11-12T21:03:09Z
dc.date.available2019-11-12T21:03:09Z
dc.date.issued2007pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/64416
dc.descriptionOrientador: Gelson Joao Tesserpt_BR
dc.descriptionMonografia(Especializaçao) - Universidade Federal do Paraná,Setor de Ciencias Sociais Aplicadas, Curso de Especializaçao em Gestao de Negóciospt_BR
dc.description.abstractResumo: As empresas bem organizadas sabem da importância e das vantagens de um bom planejamento de suas atividades em busca de seus objetivos. As constantes mudanças que estão ocorrendo no ambiente de negócios, muitas delas produzidas pela globalização dos mercados, estão exigindo das empresas cada vez mais o aprimoramento de seus processos de planejamento, avaliação e controle, tendo em vista a tomada de decisões rápidas e de melhor qualidade que lhe assegurem o atendimento de seus objetivos de continuidade, expansão e lucratividade. O estilo pró-ativo de administração hoje, mais do que nunca, e essencial para o bom andamento dos negócios e proteção do patrimônio de seus proprietários. Ao contrário do estilo reativo, onde a improvisação lança duvidas quanto a competência de seus administradores a seriedade ou, ate mesmo, continuidade da empresa. O orçamento empresarial deve ser elaborado com vistas aos objetivos a médio e longo prazo da empresa para que se possa ter tempo de implantá-lo, avaliar seu grau de adequação as situações específicas de cada empresa e proceder aos ajustes que se fizerem necessários para o seu correto funcionamento. A capacidade de previsão de uma empresa está na competência de gerenciar cenários futuros de forma dinâmica, rápida e eficaz. Uma das ferramentas para atingir este objetivo e o famoso orçamento. Com o passar dos tempos o orçamento tornou-se um peso para as organizações, por diversos motivos: oneroso, muito tempo gasto na implementação, difícil revisão, publicação anual, baseado em premissas de metas departamentais totalmente tirando o foco do viés estratégico. O planejamento orçamentário deve ir além dos aspectos financeiros, e um retrato fiel e antecipado do ambiente em que a empresa atua, e a bússola do gestor, e o mapa das ações operacionais em busca da tradução da estratégia.pt_BR
dc.format.extent29f.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectOrçamento nas empresaspt_BR
dc.titleOrçamento : estudo de caso da Ouro Verde Transporte e Locaçaopt_BR
dc.typeMonografia Especializaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record