Show simple item record

dc.contributor.authorTwardowski, Tehane de Souzapt_BR
dc.contributor.otherMonteiro, Alda Lucia Gomespt_BR
dc.contributor.otherLustosa, Sebastião Brasil Campospt_BR
dc.contributor.otherMoraes, Anibal de, 1956-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Agronomiapt_BR
dc.date.accessioned2019-09-30T20:06:37Z
dc.date.available2019-09-30T20:06:37Z
dc.date.issued2019pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/63430
dc.descriptionOrientadora: Profa. Dra. Alda Lúcia Gomes Monteiropt_BR
dc.descriptionCoorientadores: Prof. Dr. Sebastião Brasil Campos Lustosa, Prof. Dr. Aníbal de Moraespt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Agronomia. Defesa : Curitiba, 03/04/2019pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 76-86pt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração: Produção Vegetalpt_BR
dc.description.abstractResumo: O conhecimento das características biológicas de uma espécie invasora permite analisar as melhores estratégias de manejo visando à contenção do processo de invasão de uma determinada área. As estratégias de controle de Capim-annoni (Eragrostis plana Nees) desenvolvidas até então, ainda não permitiram avanços significativos, levando à degradação das pastagens nos Campos Sul-brasileiros. Com a perspectiva de eliminar as plantas de Capim-annoni e manter a cobertura vegetal com espécies forrageiras foram realizados dois experimentos no município de Lapa - PR. O primeiro trabalho foi a avaliação do controle cultural e seu impacto sobre a população de Capim-annoni em pastagem de Urochloa brizantha cv. MG5. Foram avaliados dois tratamentos com três repetições sob um delineamento de blocos ao acaso. Os tratamentos consistiram em sobressemeadura de Sorghum bicolor cv. Don Verdeo e sem a sobressemeadura. Foi realizado controle químico em toda a área experimental, no dia 01 de novembro/2016, com a aplicação localizada do herbicida glyphosate com o auxílio de aplicador seletivo de herbicida. As variáveis avaliadas foram a estrutura do pasto e da invasora, a composição botânica da área e o desempenho de novilhas em pastejo contínuo em dois anos de avaliação. O segundo experimento foi conduzido, em parcelas, em área anexa ao primeiro experimento, cercada para impedir a entrada dos animais. Nesse estudo, buscou-se avaliar os efeitos da adubação nitrogenada sob diferentes níveis de infestação de E. plana Nees. O delineamento utilizado foi um arranjo fatorial de 5x2 sendo 0, 25, 50, 75 e 100 por cento de infestação de Capim-annoni; com 135 e 435 kg.ha-1 de nitrogênio. O critério de manejo adotado foi o emparelhamento das alturas das parcelas quando as parcelas com 100% de U. brizantha atingiam 30 cm de altura no tratamento com infestação de 0% de Capim-annoni adubada com 435 kg.ha-1 nitrogênio, nesse momento procedia-se um rebaixamento em todas as parcelas em 50% da altura. Antes dos cortes era realizada leitura da interceptação solar com o auxílio de um Ceptômetro e, ao final de todas as coletas, foi realizada a separação botânica de todo material pelas espécies de E. plana Nees, U. brizantha e outras. Verificou-se que a introdução do S. bicolor não foi eficiente para exercer o sombreamento e realizar o controle do Capim-annoni na pastagem. No entanto, pode-se observar que a aplicação de glifosato mais a presença de U. brizantha tiveram efeito no controle da invasora. Foi verificado que não houve diferença (P>0.05) entre os níveis de adubação nitrogenada; entretanto pode-se verificar que ao longo dos sucessivos cortes houve reduções significativas da biomassa de Capim-annoni a partir de 20% de infestação. Este resultado sugere que cortes sucessivos auxiliam no controle; entretanto, isto ocorreu em um ambiente controlado, sem a presença de animais. De forma geral, pode ser concluído que manejar a pastagem com alturas superiores pode proporcionar o controle da invasão do Capim-annoni. Palavras-chave: Aplicador Seletivo de Herbicida. Controle Cultural. Capim Annoni.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The knowledge of the biological characteristics of an invasive species allows to analyze the best management strategies aiming at the control of the invasion process of a certain area. The control strategies of Tough Lovegrass (Eragrostis plana Nees) developed until then, still did not allow significant advances, leading to pasture degradation in the South-Brazilian. With the prospect of eliminating tough lovegrass and maintaining plant cover with forage species, two experiments were carried out in the municipality of Lapa - PR. The first work was the evaluation of cultural control on the population of E. plana Nees in pasture of Urochloa brizantha cv. MG5. Two treatments with three replications were evaluated under a randomized block design. The treatments consisted of overseed Sorghum bicolor cv. Don Verdeo and without overseeding. Chemical control was performed throughout the experimental area, on November 1st, 2017, with the localized application of glyphosate herbicide with the aid of a selective herbicide applicator. The evaluated variables were the pasture and invasive species structure, the botanical composition of the area and the performance of heifers under continuous grazing in two years of evaluation. The second experiment was conducted, in plots, in an area adjacent to the first experiment, surrounded to prevent the animals from entering. This study aimed to evaluate the effects of nitrogen fertilization on different levels of tough lovegrass infestation. The design used was a 5x2 factorial arrangement with 0, 25, 50, 75 and 100 percent infestation of tough lovegrass; 135 and 435 kg.ha-1 of nitrogen. The management criterion adopted was the cut of plots when U. brizantha grasses reached 30 cm height in the treatment with 0% infestation of E. planted with 435 kg.ha-1 nitrogen, plots were cut at 50% of the height. Solar interception readings were carried out with a Ceptometer, in the end, botanical separation was carried out by the species tough E. plana Nees, U. brizantha and others. It was found that the introduction of S. bicolor was not efficient to exert shading and control tough lovegrass in the pasture. However the application of glyphosate plus the presence of U. brizantha had control effects on the invasive species. It was verified that there were no differences (P>0.05) between the levels with nitrogen fertilization, however it can be verified that during the successive cuts there were significant reductions of the biomass of tough lovegrass from 20% of infestation. This result suggest that successive cuts helps the control, however this occurred in a controlled environment without the presence of animals. In general, it can be concluded that managing the pasture with higher heights can provide the control of the tough lovegrass invasion. Keywords: Cultural Control. Selective Herbicide Applicator. Tough Lovegrass.pt_BR
dc.format.extent86 p. : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPastagenspt_BR
dc.subjectPastagens - Manejo - Paranápt_BR
dc.subjectHerbicidaspt_BR
dc.subjectPragas agricolaspt_BR
dc.subjectAgronomiapt_BR
dc.titleControle cultural de capim-annoni (Eragrostis plana Nees) em pastagem de braquiária brizanta [Urochloa brizantha (Hochst. ex A. Rich.)]pt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record