Show simple item record

dc.contributor.authorFreitas, Antonio Diogo Greff de, 1986-pt_BR
dc.contributor.otherUrban, Ana Claudia, 1967-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2019-05-27T18:33:43Z
dc.date.available2019-05-27T18:33:43Z
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/59677
dc.descriptionOrientadora: Profª. Drª Ana Claudia Urbanpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa : Curitiba, 29/03/2017pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p. 103-106pt_BR
dc.description.abstractResumo: RESUMO O trabalho em questão buscou compartilhar reflexões sobre a comunicação e o ensino de história, suas interconexões e a influência das novas mídias na construção da consciência histórica de estudantes. Estas indagações tiveram como ponto de partida pesquisas desenvolvidas no PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência) e o estudos desenvolvidos no trabalho de conclusão de curso (TCC) na graduação de história na UFPR (Universidade Federal do Paraná). O objetivo geral desse estudo é pesquisar como são construídas as compreensões históricas nos alunos do ensino básico a partir do conceito de consciência histórica. Ainda, buscar entender quais são as possíveis formas de interpretação das fontes históricas produzidas em ambientes digitais por alunos do ensino médio. Sobretudo, se é possível constatar elementos da Cultura Histórica (caráter político, ético, moral, estético ou cognitivo) nas fontes históricas construídas nesse ambiente (RÜSEN, 2015, p. 229 - 240). Ou seja, o que moveu esta pesquisa foi a preocupação com a construção da compreensão histórica aliada ao saber substantivo do passado, especialmente, a partir do conceito de consciência histórica em alunos do ensino básico. A problemática dessa pesquisa tem como base as seguintes indagações: É possível compreender o ambiente da Web 2.0 como contexto para detectar elementos da Cultura Histórica? E, a partir disso, perceber em que medida o ciberespaço influencia na aprendizagem histórica em estudantes do ensino médio, tendo como característica da Internet uma cognição multiperspectivada/multifacetada? Ainda, de que forma os alunos constroem explicações, narrativas ou argumentos quando deparados com fontes históricas na web? Para responder essas perguntas, a pesquisa foi dividida em etapas. O primeiro capítulo após a introdução desenvolve uma análise de outras pesquisas que tenham relacionado o campo de educação histórica e o ciberespaço. A parte seguinte da pesquisa foi dividida entre esclarecer aspectos teóricos do campo da comunicação e da educação histórica e suas relações. E por fim, dois estudos empíricos. Sendo um estudo exploratório (questionário) aplicado no Instituto Federal do Paraná. O outro, um instrumento principal com fontes de cunho histórico que foram analisadas e interpretadas por estudantes. Tanto o primeiro como o segundo estudo foram respondidos por estudantes do ensino técnico integrado do ensino médio. Esse último capítulo teve como base a metodologia de pesquisa denominada de Grounded Theory, ou também chamada, Teoria Fundamentada nos Dados a qual também teve como base a triangulação de dados. Os resultados transitam entre analisar como os estudantes interpretam fontes construídas em ambiente online por meio de uma orientação temporal oriunda do mecanismo da Web. Também, foi possível constatar que existem elementos da Cultura Histórica no Ciberespaço e, por sua vez, influenciam na cognição histórica dos estudantes. Palavras-chave: Cognição histórica. Web 2.0. Educação histórica.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This research seeks to share reflections on the communication and teaching of history, its interconnections and the influence of the new media in the construction of historical consciousness of students. These inquiries had as their starting point researches developed in the PIBID (Institutional Scholarship Program for Initiation to Teaching) and the studies developed in the work of conclusion of course (TCC) in history graduation at UFPR (Universidade Federal do Paraná). The purpose of this study is to investigate how the historical understandings of basic education students are constructed from the concept of historical consciousness. Also, to understand the possible ways of interpreting historical sources produced in digital environments by high school students. It is possible to verify elements of historical culture (political, ethical, moral, aesthetic or cognitive) in the historical sources constructed in this environment (Rüsen: 2015). In other words, what moves this research is the concern with the construction of historical understanding allied to the substantive knowledge of the past, especially, from the concept of historical consciousness in elementary school students. The problem of this research is based on the following questions: Is it possible to understand the Web 2.0 environment as a context to detect elements of Historical Culture? From this, to perceive the influence of cyberspace in the historical learning in high school students? Having as a feature of the Internet a multiperspective / multifaceted cognition? Yet, how do students construct explanations, narratives, or arguments when faced with historical sources on the web? To reach this goal and answer these questions the research was divided into steps. The first chapter after the introduction develops an analysis of other research that has related the field of historical education and cyberspace. The next part of the research is divided between clarifying theoretical aspects of the field of communication and historical education and their relations. Finally, two empirical studies. Being an exploratory study (questionnaire) applied at the Federal Institute of Paraná. The other, a main instrument with historical sources that were analyzed and interpreted by students. High school integrated technical education students answered both the first and the second study. This last chapter was based on the research methodology called Grounded Theory, or also called Data Based Theory which was also based on the triangulation of data. The results go from showing that the students of the study interpret sources constructed in an online environment through the temporal orientation derived from the Web mechanism. In addition, it was possible to verify that there are elements of Historical Culture in Cyberspace and, in turn, there are influences in the students cognition. Keywords: Historical cognition. Web 2.0. Historic Culture.pt_BR
dc.format.extent114 p. : il. (algumas color.).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectCogniçãopt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.subjectWeb 2.0pt_BR
dc.subjectHistoria - Estudo e ensinopt_BR
dc.titleConsciência histórica no ciberespaço: análise de fontes históricas e as mudanças na construção de sentido histórico em estudantes do ensino médiopt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record