Show simple item record

dc.contributor.authorPacheco, Camilapt_BR
dc.contributor.otherCamas, Núria Pons Vilardellpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação: Teoria e Prática de Ensinopt_BR
dc.date.accessioned2018-11-20T12:45:18Z
dc.date.available2018-11-20T12:45:18Z
dc.date.issued2018pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/57421
dc.descriptionOrientadora: Profa. Dra. Nuria Pons Vilardell Camaspt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa : Curitiba, 13/08/2018pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p.121-129pt_BR
dc.description.abstractResumo: A presente pesquisa está inserida na Linha de Pesquisa - Teorias e Práticas de Ensino na Educação Básica, do Programa de Mestrado em Educação: Teoria e Prática de Ensino, da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Tem como objeto de estudo os Recursos Educacionais Abertos (REA) e os sujeitos são professores da Educação Básica, participantes de um curso de extensão, realizado no município de Curitiba/PR. Esse estudo busca responder a questão norteadora: os REA podem auxiliar o professor na sua prática pedagógica? Para tanto, objetivos foram traçados, como geral é o de analisar, através de uma formação prática em curso de extensão, como os professores da Educação Básica, no Município de Curitiba, entendem os REA, para o possível uso em suas práticas pedagógicas, como específicos: participar da criação e desenvolvimento de um curso de extensão que aborde REA para formação de professores da Educação Básica; identificar e evidenciar o entendimento do uso dos REA, na prática pedagógica, principalmente de intencionalidade, responsabilidade social, política e humana, autonomia e coletividade (cooperação e colaboração) com os professores do curso de extensão. A presente pesquisa parte de uma abordagem qualitativa (LÜDKE; ANDRÉ, 2011; CHIZZOTTI, 2000), considerando os participantes como sujeitos. A partir da construção do marco teórico (FRANCO, 2016; NADAL, 2016; BELLONI; GOMES, 2008; DEMO, 1996, 1998; FREIRE, 1992, 1993, 1996, 2006), bem como com pesquisas em bancos de dados de teses e dissertações, com revisão sistemática também de artigos sobre o objeto, delineou-se a pesquisa. Como instrumentos de coleta de dados utilizou-se dois questionários, com perguntas abertas e fechadas, em momentos distintos ao longo do curso, um no início e outro no final. Também realizou-se registros em um diário itinerante composto por observações da pesquisadora. Optou-se pela escolha da análise do discurso (AD) nas respostas discursivas dos sujeitos. Desse modo, a partir da leitura e releitura dos dados coletados conjuntamente com o nosso marco teórico, foram criados os seguintes dispositivos analíticos: de intencionalidade; de responsabilidade social, política e humana; de autonomia; e de coletividade, entendida pela prática da colaboração e cooperação. Os resultados mostraram que a maioria dos sujeitos possui intenção em desenvolver os REA em suas práticas pedagógicas, todavia, intenção futura e incerta. Do mesmo modo, verificou-se que essa intenção está voltada a apenas algumas características do ciclo REA. Poucos sujeitos apresentaram em seus discursos a responsabilidade social, política e humana, bem como, autonomia e coletividade (colaboração e cooperação). Portanto, as considerações finais apresentam a necessidade da compreensão e reconhecimento da prática pedagógica pelos professores, bem como de formação profissional e humana abertas, como caminho para a superação de desafios ao desenvolvimento dos REA. Palavras - Chave: Recursos Educacionais Abertos (REA). Prática Pedagógica. Educação Básica. Formação de Professor.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The present research is inserted in the Research Line - Theories and Practices of Teaching in Basic Education, of the Master Program in Education: Theory and Practice of Teaching, Federal University of Paraná (UFPR). The object of study is the Open Educational Resources (REA) and the subjects are teachers of Basic Education, participants of an extension course, held in the city of Curitiba / PR. This study seeks to answer the guiding question: can the OER assist the researcher in their pedagogical practice? To that end, objectives were drawn, as general is to analyze, through a practical training in the process of extension, how the Basic Education teachers, in the Municipality of Curitiba, understand the OER, for the possible use in their pedagogical practices, as specific: to participate in the creation and development of an extension course that addresses REA for the training of Basic Education teachers; to identify and to demonstrate the understanding of the use of OER in pedagogical practice, mainly of intentionality, social, political and human responsibility, autonomy and collective (cooperation and collaboration) with the teachers of the extension course. The present research starts from a qualitative approach (LÜDKE; ANDRÉ, 2011; CHIZZOTTI, 2000), considering the participants as subjects. As a result of the construction of the theoretical framework (FRANCO, 2016; NADAL, 2016; BELLONI, GOMES, 2008; DEMO, 1996, 1998; FREIRE, 1992, 1993, 1996, 2006), as well as researches in theses and dissertations, with a systematic review of articles on the object, the research was outlined. As data collection instruments, two questionnaires were used, with open and closed questions, at different times throughout the course, one at the beginning and the other at the end. Records were also made in an itinerant diary composed of observations by the researcher. We chose the discourse analysis (AD) in the subjects' discursive responses. Thus, from the reading and re-reading of the collected data together with our theoretical framework, the following analytical devices were created: of intentionality; social, political and human responsibility; of autonomy; and collectivity, understood by the practice of collaboration and cooperation. The results showed that most of our subjects intend to develop OER in their pedagogical practices, however, future and uncertain intention. Likewise, it has been found that this intention is focused on only some characteristics of the REA cycle. Few subjects presented in their speeches social, political and human responsibility, as well as autonomy and collectivity (collaboration and cooperation). Therefore, the final considerations present the need for teachers to understand and recognize pedagogical practice, as well as open professional and human training, as a way to overcome challenges to the development of OER. Keywords: Open Educational Resources (OER). Pedagogical Practice. Basic Education. Teacher Training.pt_BR
dc.format.extent137 p. : il. (algumas color.), grafs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectEducação basicapt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.subjectProfessores - Formaçãopt_BR
dc.subjectPráticas pedagógicaspt_BR
dc.titleOs Recursos Educacionais Abertos (REA) e a prática pedagógica : reflexões a partir de um curso de extensão com professores da educaçõ básicapt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record