Show simple item record

dc.contributor.authorPinheiro, Dalessandro de Oliveirapt_BR
dc.contributor.otherSilva, Monica Ribeiro da, 1960-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2018-11-20T12:09:51Z
dc.date.available2018-11-20T12:09:51Z
dc.date.issued2018pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/56953
dc.descriptionOrientadora: Prof. Drª Monica Ribeiro da Silvapt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa : Curitiba, 26/03/2018pt_BR
dc.descriptionInclui referências: p.304-313pt_BR
dc.description.abstractResumo: Este estudo visa analisar os projetos educacionais de setores do empresariado brasileiro no âmbito da disputa e da tensão no interior do Estado, por meio das ações dos movimentos empresariais e, particularmente, do "Movimento Todos Pela Educação" (TPE). Esses movimentos defendem que o modelo de gestão empresarial deva servir como parâmetro para os sistemas públicos de ensino. Uma gestão a ser realizada sob a forma de parcerias, estabelecidas entre os governos federal, estaduais e municipais, com setores privados nacionais e com organizações sociais do terceiro setor. A pesquisa analisa inicialmente, a conjuntura nacional e as reformas estruturais dos anos 1990, como referência para a redefinição do papel do Estado no Brasil. Analisa a historicidade do TPE, a conjuntura de sua criação, os princípios, estratégias e os elementos teóricos que baseiam sua ação política, seu modus operandi e a lógica dos projetos educacionais desenvolvidos no país. Para coleta e análise de dados foram trabalhados documentos e textos constantes dos portais dos movimentos empresariais na internet, contraditados por textos da produção acadêmica de autores nacionais. Num segundo momento, a análise recai sobre a disputa de projetos educacionais voltados à gestão das escolas e dos sistemas públicos de educação influenciando sobremaneira o processo de democratização das propostas pedagógicas e a alocação de recursos financeiros e orçamentários para uma visão calcada na eficiência e eficácia das políticas públicas educacionais, não mais realizadas no âmbito do Estado, mas planejadas e executadas por entes privados, em suas várias formas de manifestação. Encerrando a análise, aborda-se como o TPE e os movimentos empresariais publicizam suas propostas e como apresentam realidades de sistemas nos quais os gestores públicos, seguindo a lógica da cultura de metas e resultados, da responsabilização, da meritocracia e da privatização buscam desenvolver modelos compartilhados de gestão da escola pública com organizações sociais do terceiro setor. Palavras-chave: Política Educacional. Gestão da escola pública. Movimento Todos Pela Educação. Empresariamento da educação pública.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This study aims at analyzing the educational projects of sectors of the Brazilian business community in the context of the dispute and tension within the State, through the actions of the business movements and, in particular, the "All for Education Movement" (TPE). These movements argue that the business management model should serve as a parameter for public education systems. A management to be carried out in the form of partnerships, established between federal, state and municipal governments, with national private sectors and with Social Organizations of the Third Sector. The research initially analyzes the national conjuncture and the structural reforms of the 1990s as a reference for the redefinition of the role of the State in Brazil. It analyzes the historicity of the TPE, the conjuncture of its creation, the principles, strategies and theoretical elements that base its political action, its modus operandi and the logic of the educational projects developed in the country. For the collection and analysis of data, documents and texts from the portals of the business movements on the internet were analyzed, contradicted by texts of the academic production of national authors. Secondly, the analysis focuses on the challenge of educational projects aimed at the management of schools and public education systems, greatly influencing the process of democratization of pedagogical proposals and, the allocation of financial and budgetary resources for a vision based on the efficiency and effectiveness of educational public policies, no longer carried out within the State, but planned and executed by private entities, in their various forms of manifestation. Concluding the analysis, it is approached how the TPE and the business movements publicize their proposals and how they present realities of systems in which public managers, following the logic of the culture of goals and results, accountability, meritocracy and privatization, seek to develop models shared public school management with third sector social organizations. Keywords: Educational Politics. Public School Management. All Movement For Education. Public Education Entrepreneurship.pt_BR
dc.format.extent313 p.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPolíticas educacionaispt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.subjectEscolas publicas - Brasilpt_BR
dc.titleO movimento "Todos pela educação" : o público, o privado e a disputa de projetos educacionais no Brasilpt_BR
dc.typeTese Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record