Show simple item record

dc.contributor.advisorCaron, Edilsonpt_BR
dc.contributor.authorGomes, Felipe Lopes Teixeirapt_BR
dc.contributor.otherVieira, Letícia Mariapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas (Entomologia).pt_BR
dc.date.accessioned2019-01-07T21:00:49Z
dc.date.available2019-01-07T21:00:49Z
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/55277
dc.descriptionOrientador: Prof. Dr. Edilson Caronpt_BR
dc.descriptionCoorientadora: Profa. Dra. Letícia Maria Vieirapt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas (Entomologia). Defesa : Curitiba, 21/11/2017pt_BR
dc.descriptionInclui referências : p.38-44pt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração : Entomologiapt_BR
dc.description.abstractResumo: O presente estudo visa responder algumas perguntas ecológicas que poderão ser aplicadas à Entomologia Forense. O estudo de cinco famílias de Coleoptera com importância forense, Carabidae, Histeridae, Silphidae, Scarabaeidae e Staphylinidae, em três áreas do bioma de Mata Atlântica gera um arcabouço de dados que vem preencher uma lacuna dos estudos forense no Brasil, à variação espacial e temporal de espécies de interesse forense em um bioma que circunda a maioria das grandes cidades no Brasil. Nas análises foram usados dados de três estudos previamente desenvolvidos em Barbacena, sudeste de Minas Gerais, Curitiba e Palotina, respectivamente leste e oeste do Paraná. Essas localidades foram selecionadas por apresentarem inventários recentes com enfoque forense onde métodos de coleta e duração do experimento foram similares podendo deste modo serem comparados. A partir da resposta obtida pelas análises foi possível determinar que há uma complementariedade de métodos de coleta (quando não utilizados armadilhas) para estudos da fauna forense e também as espécies que possuem maior especificidade com o local de estudo, e também um melhor entendimento do papel desses coleópteros na Entomologia Forense. O Valor de indicação de espécies foi medido atraves do IndVal, sendo as relações de riqueza, abundância e variáveis ambientais calculadas. De acordo com as análises de similaridade de espécies nas três localidades foi possível determinar uma diferença espacial e temporal da comunidade. A família Staphylinidae se sobressaiu demonstrando seu grande potencial de Indicador Forense tanto para os locais de coleta quanto para os métodos, evidenciando a necessidade em ampliar os estudos dessa família em biologia, comportamento e especificidade de hábitat para possíveis usos aplicados. A presença de algumas espécies foram marcadas por variações espaciais e temporais, permitindo uma caracterização baseada na ocorrência de um certo taxa como Euspilotus azureus (Sahlberg, 1823), Oxelytrum discicolle (Brullé, 1840), Aleochara (Xenochara) Mulsant & Rey, 1874, Aleochara pseudochrysorrhoa Caron, Mise & Klimaszewski, 2008; Atheta iheringi Bernhauer, 1908, and Belonuchus rufipennis (Fabricius, 1801), podendo ser utilizadas como marcadores espaciais de ocorrência dentro do polígono formado pelas três cidades amostradas. Palavras-chave: Entomologia Forense. Valor Indicador Individual.Coleoptera.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This study aims to answers ecological questions to be applied in Forensic Science. The study of five families of forensic importance Carabidae, Histeridae, Silphidae, Scarabaeidae and Staphylinidae in three locations of Atlantic Biome could generate knowledge to fill the gap in forensic studies in Brazil, the temporal and spatial variation in three cities placed in a Biome that surround the biggest cities in Brazil. Three studies previously developed in Barbacena Southeast of Minas Gerias, Curitiba west and Palotina east of Paraná. These localities were selected because they conduct the experiment cataloging the fauna and which the collection methods, and duration of the experiment were similar and could be compared, being the temporal and spatial variation pointed for the Bioma of Atlantic Forest where most of the crimes occur. Following the answers obtained from the analysis it was possible to determine the complementarity of the collection method (when no trap are used) for forensic studies, and priorizing the study from the species that are more specific with the place, and having a better understanding with this beetles from Forensic Entomology. The indicator value of each species was measured with IndVal method. The relationship between richness, abundance and environmental variables was calculated. Acoording to the analysis of similarity the composition of the species community in the three localities was different temporal and spatial. The Staphylinidae family stand out as the family with more forensic importance for place of collection and methodology, showing a necessity of increase the studies of this family in biology, behaviour and more habitat specificity for more applied uses. The presence of some species were pointed as markers of spatial and temporal variation, allowing a better characterization based in their occurence of taxa such as Euspilotus azureus (Sahlberg, 1823), Oxelytrum discicolle (Brullé, 1840), Aleochara (Xenochara) Mulsant & Rey, 1874, Aleochara pseudochrysorrhoa Caron, Mise & Klimaszewski, 2008; Atheta iheringi Bernhauer, 1908, and Belonuchus rufipennis (Fabricius, 1801), being used as spatial and temporal markers inside the polygon formed by the three cities. Key-words: Forensic Entomology. Indicator Value. Coleoptera.pt_BR
dc.format.extent50 p. : il. (algumas color.), tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectEntomologia forensept_BR
dc.subjectZoologiapt_BR
dc.subjectColeopteropt_BR
dc.titleSpatial and temporal variation of forensic coleoptera communit (Carabidae, Histeridae, Scarabaeidae, Silphidae and Staphylinidae) in Atlantic Forest of Brazilpt_BR
dc.typeDissertação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record