Show simple item record

dc.contributor.authorElias, Larissa Guarany Ramalhopt_BR
dc.contributor.otherBourges, Fernanda Schuhlipt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Agrárias. Curso de Especialização em Direito Ambientalpt_BR
dc.date.accessioned2019-03-14T12:37:20Z
dc.date.available2019-03-14T12:37:20Z
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/52293
dc.descriptionOrientador : Profa. Dra. Fernanda Bourgespt_BR
dc.descriptionMonografia (especialização) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Agrárias, Curso de Especialização em Direito Ambientalpt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo : O problema que o município de Aracaju enfrenta com o manejo de seus resíduos é notório e vem de longa data. Mesmo com a promulgação da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) em 2010a municipalidade de Aracaju continuou enfrentando desafios na gestão sustentável dos resíduos sólidos. Esta lei preza pela sustentabilidade na lide com a problemática acerca dos resíduos, trazendo em seu texto instrumentos a serem aplicados pelos entes federados a fim de alcançar sua efetivação. Com esta pesquisa objetivou-se avaliar a implementação dos instrumentos destacados na PNRS no município de Aracaju, Sergipe, e dissertar acerca de soluções que perpassem pela aplicação destes instrumentos. A metodologia pode ser classificada como qualitativa, aplicada, descritiva, bibliográfica e de campo, contando com duas fases: uma de levantamento bibliográfico e outra de aplicação de roteiros semiestruturados de entrevista com os atores da PNRS. Os resultados foram apresentados através da compilação das respostas dos entrevistados e dos dados secundários levantados acerca de cada instrumento. Foi possível observar a não internalização da legislação em questão pelos atores nela envolvidos e ainda uma atenção deficitária aos instrumentos da política. Deste modo, concluiu-se que não há aplicação plena dos instrumentos da lei e que isso gera um entrave ao alcance da sustentabilidade da gestão de resíduos no município. Recomendou-se a aplicação dos instrumentos com foco para os considerados prioritários como plano municipal de gestão integrada de resíduos sólidos, coleta seletiva, logística reversa, incentivo às cooperativas, acordos setoriais e educação ambiental.pt_BR
dc.format.extent31 f : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.subjectPolíticas públicas - Meio ambientept_BR
dc.subjectResíduos sólidos - Legislaçãopt_BR
dc.subjectResiduos sólidos - Gestão ambientalpt_BR
dc.titleA efetividade dos instrumentos da Política Nacional de Resíduos Sólidos no município de Aracaju - SEpt_BR
dc.typeMonografia Especialização Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record