Show simple item record

dc.contributor.advisorNishiyama, Anitapt_BR
dc.contributor.authorGuimarães, Paulo de Souza Fonsecapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Fisiologiapt_BR
dc.date.accessioned2017-11-08T13:02:31Z
dc.date.available2017-11-08T13:02:31Z
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/49423
dc.descriptionOrientadora : Profª. Drª. Anita Nishiyamapt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Fisiologia. Defesa: Curitiba, 29/08/2017pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.description.abstractResumo: A sepse é uma disfunção orgânica aguda complexa potencialmente fatal consequente de uma síndrome de resposta inflamatória sistêmica desencadeada por um quadro infeccioso. Os mecanismos subjacentes à fisiopatologia da sepse que envolve processos dinâmicos pró e anti-inflamatórios ainda permanecem mal compreendidos. As células do Natural Killers (NK) desempenham papel crucial na fisiopatologia da sepse, com íntima relação aos processos de inflamação exagerada decorrentes de sua resposta rápida e da produção de citocinas pró-inflamatórias, como o interferon gama (IFN-?). Vários estudos já mostraram que as células NK tem seus níveis reduzidos no plasma de sangue periférico de pacientes portadores de sepse. No entanto, nossa atual compreensão dos mecanismos por trás do seu tráfego celular, assim como, no seu papel no desenvolvimento da doença está restrita aos estudos em modelos animais de sepse. Neste estudo, buscamos comparar os níveis do subconjunto de células NK humanas (CD56bright e CD56dim) no plasma de sangue periférico e fluido de lavado broncoalveolar (LBA) de pacientes portadores de sepse pulmonar. Realizou-se um estudo caso-controle constituído por 10 pacientes saudáveis (controle) e 23 pacientes portadores de sepse pulmonar internados em Unidades de Terapia Intensiva do Hospital Universitário Cajuru da Pontifícia Universidade Católica do Paraná no período de 2013 a 2015. Embora pudéssemos confirmar observações anteriormente descritas de linfopenia do plasma de sangue periférico, não foram detectadas diferenças significativas nos níveis de células NK no LBA desses pacientes. Em geral, esses achados reforçam a evidência de que a redução dos níveis de células NK no plasma de sangue periférico pode estar associada à mecanismos de morte celular e apoptose consequentes da sepse. Palavras-chave: Células Natural Killers; sepse pulmonar; linfopenia; interleucinas; citocinas pró-inflamatórias; CD4; CD8; lavado broncoalveolar.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: Sepsis is a complex systemic inflammatory syndrome, the most common cause of which is attributed to systemic underlying bacterial infection. The complete mechanisms of the dynamic pro- and anti-inflammatory processes underlying the pathophysiology of sepsis remain poorly understood. Natural killer (NK) cells play a crucial role in the pathophysiology of sepsis, leading to exaggerated inflammation due their rapid response and production of proinflammatory cytokines such as interferon gamma (IFN- ?). Several studies have already shown that NK cells undergo lymphopenia in the peripheral blood of patients with sepsis. However, our understanding of the mechanisms behind its cellular trafficking and its role in disease development is restricted to studies in animal models. In this study, we aimed to compare the human NK cell subset (CD56bright or dim) levels in the peripheral blood and bronchoalveolar lavage (BAL) fluid of sepsis patients. We conducted a case-control study with a sample size consisting of 10 control patients and 23 sepsis patients enrolled at the Hospital Cajuru (Curitiba/PR, Brazil) from 2013 to 2015. Although we were able to confirm previous observations of peripheral blood lymphopenia, no significant differences were detected in NK cell levels in the BAL fluid of these patients. Overall, these findings strengthened the evidence that peripheral blood lymphopenia is likely to be associated with cell death as a consequence of sepsis. Keywords: natural killer cells; lung sepsis; lymphopenia; bronchoalveolar lavage.pt_BR
dc.format.extent135 f. : il. algumas color., gráfs., tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectFisiologiapt_BR
dc.subjectSepsept_BR
dc.subjectCelulas killerpt_BR
dc.subjectCitocinaspt_BR
dc.titleAvaliação de células natural killers (NK) em sangue de circulação periférica e fluido de lavado broncoalveolar de pacientes portadores de sepse pulmonar : estudo de casos-controlept_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record