Show simple item record

dc.contributor.advisorWouk, Antonio Felipe P. F. (Antonio Felipe Paulino de Figueiredo), 1955-pt_BR
dc.contributor.authorAndrade, James Newton Bizetto Meira dept_BR
dc.contributor.otherGerminiani, Clotilde de Lourdes Branco, 1938-pt_BR
dc.contributor.otherCamacho, Aparecido Antoniopt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterináriaspt_BR
dc.date.accessioned2017-09-19T17:20:21Z
dc.date.available2017-09-19T17:20:21Z
dc.date.issued1999pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/48630
dc.descriptionOrientador: Antonio Felipe Paulino de Figueiredo Woukpt_BR
dc.descriptionCo-orientadores: Clotilde Branco Germiniani, Aparecido Antonio Camachopt_BR
dc.descriptionDisssertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterináriaspt_BR
dc.description.abstractA ventriculectomia parcial promove uma redução no diâmetro ventricular esquerdo, baseando-se na lei de Laplace (T=P x R, sendo T=tensão muscular do ventrículo, P=pressão intracavitária, R = raio da cavidade ventricular) e tem sido usada em seres humanos para o tratamento da cardiomiopatia dilatada (BATISTA et al., 1996). Com o objetivo de se promover uma redução do diâmetro ventricular esquerdo e visando uma alternativa no tratamento de cães com doença similar, foi proposta uma nova técnica experimental denominada de Imbricamento da Parede Livre do Ventriculo Esquerdo, realizada em Curitiba - PR. Foram utilizados dez cães sem raça definida, sendo seis machos e quatro fêmeas, livres de dilatação cardíaca, dos quais oito foram submetidos ao imbricamento da parede livre do ventriculo esquerdo, e dois sofreram toracotomia e pericardiotomia, correspondendo ao Grupo controle. Os animais receberam acepromazina e sulfato de atropina como medicação pré-anestésica e a anestesia foi induzida com tiopental sódico e mantida com éter por via inalatória. Após toracotomia intercostal esquerda realizada no 5° espaço e pericardiotomia em "r', foram aplicados três pontos de Wolff, transfixantes, com fio polipropileno 3-0 agulhado em uma área pouco vascularizada do ventrículo esquerdo, causando o imbricamento. Foram realizados exames ecocardiográficos (ecocardiografia bidimensional, em modo M e ecocardiodoppler colorido) 24h antes e 48h após a cirurgia, demonstrando-se uma redução média do diâmetro do ventrículo esquerdo em diástole de 23,5% (35,2625+-5,1978 x 26,9000+-4,0567; p<0,01). O eletrocardiograma foi registrado 24h antes, 24h, 48h, 7, 15, 21, 30 e 60 dias após a intervenção. A principal alteração observada foi a presença de extrassístoles ventriculares, que regrediram espontaneamente em 48h. Não houve óbitos. A técnica é barata e dispensa o uso de circulação extracorpórea. Considerando os resultados obtidos, sugere-se realizar um estudo desta técnica em cães portadores de cardiomiopatia dilatadapt_BR
dc.description.abstractThe partial ventriculectomy, based on Laplace' s law, which reduces the left ventricular distance, has been used in human beings for the treatment of dilated Cardiomyopathy (BATISTA et al., 1996). As an alternative to reduce the left ventricular diameter and treat dogs with such disease, it was proposed an experimental technique -The Left Ventricular Imbrication, in Curitiba, Paraná, Brazil. Like the former technique the purpose of the latter is to improve ventricular function. In order to develop the experimental technique eight normal, adult mongrel dogs were used. The animals received acepromazin and atropine sulphate as pre-anesthetic medication and anesthesia was induced with sodium thiopental and maintained with ether. After a "T shaped" pericardiothomy, the free wall of the left ventricle was imbricated by avoiding coronary vessels and fastened by three interrupted transfixed sutures in a mattress pattern with a 3-0 polypropilene straight cutting needle assembled suture. The technique is cheap and extracorporeal circulation is not necessary .Echocardiographic controls were done 24 hours before and 48 hours after the surgery .The electrocardiogram was registered before as well as 1,2,7, 15,21,30, and 60 days after the surgery. The echocardiographic measures indicate a mean reduction of 23,5% (35,2625+-5,1978 x 26,9000+-4,0567; p<0,01) in the left ventricle distance. The ECG detected ventricular premature complexes 24 hours after the surgery and spontaneous regression occurred during the first week. None dog has perished. The authors, considering the promising results obtained with this innovative technique, suggest to study the Left Ventricular Imbrication Technique in dogs with dilated cardiomyopathypt_BR
dc.format.extent65f. : il.color. ; 30cm.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectCão - Coração - Cirurgiapt_BR
dc.subjectCoração - Ventriculo esquerdopt_BR
dc.subjectMiocardio - Doençaspt_BR
dc.subjectCirurgia veterinariapt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleEstudo da técnica do imbricamento da parede livre do ventrículo esquerdo em cães (Canis familiaris Linnaeus, 1758)pt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record