Show simple item record

dc.contributor.authorRosas, Juliana de Amorimpt_BR
dc.contributor.otherPrudencio, Kelly Cristina de Souzapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Parana. Setor de Artes, Comunicação e Design. Programa de Pós-Graduação em Comunicaçãopt_BR
dc.date.accessioned2017-10-09T20:42:18Z
dc.date.available2017-10-09T20:42:18Z
dc.date.issued2015pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/48454
dc.descriptionOrientadora: Profª Drª. Kelly Cristina de Souza Prudenciopt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Parana, Setor de Artes, Comunicação e Design, Programa de Pós-Graduação em Comunicação. Defesa: Curitiba, 19/03/2015pt_BR
dc.descriptionInclui bibliografiaspt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração : Comunicação e sociedadept_BR
dc.description.abstractResumo: Esta pesquisa apresenta a trajetória dos três ombudsnatos do jornal Correio da Paraíba. O ombudsman paraibano foi o segundo a surgir no Brasil, dois anos após a Folha de S. Paulo e foi o pioneiro nas regiões Norte/Nordeste, dois anos antes do cearense O povo - estes, os únicos impressos do país a possuir o representante do leitor atualmente. Objetivou-se traçar um histórico dos três anos de vigência do ombudsman no Correio, de 1991 a 1993 e mais uma vez em 1995, levando em conta o contexto geográfico, político e jornalístico da época. A partir disso, utilizando-se de análise de conteúdo, a pesquisa apresenta categorias para as 142 colunas analisadas: jornalismo, cidadania a política; para então realizar uma análise qualitativa do corpus a partir de conceitos e reflexões sobre Media Accountability Systems (MAS), crítica de mídia, ethos jornalístico e empresarial, e estratégias de visibilidade que permearam a experiência. Resultados obtidos permitiram inserir o ombudsman estudado como uma das estratégias lançadas pela empresa, porém exercendo papel de crítico e, portanto, em meio ao conflito de ethos de jornalistas versus ethos da empresa jornalística. Palavras-chave: ombudsman, jornalismo, media criticism, ethos.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This research presents the trajectory of the three "ombudsnatos" of the newspaper Correio da Paraíba. The ombudsman of Paraíba was the second to appear in Brazil, two years after Folha de S. Paulo's and was the pioneer in North / Northeast Brazil, two years before the newspaper O Povo (from the state of Ceará) - both, the only two newspapers in the country to employ the reader's representative. The goal was to outline the history of the three years of the ombudsman's experience in Correio da Paraíba: from 1991 to 1993, and again in 1995. For that, we take into account the geographic localization, political background and journalistic environment. For that purpose, we use the method of Content Analysis, designating categories for the 142 ombudsman's columns analyzed. Those are: journalism, citizenhood and politics. We perform a qualitative analysis using concepts and reflections on Media Accountability Systems (MAS), media criticism, journalistic and business ethos, and visibility strategies that permeated the experience. The obtained results allowed us to point the Paraíba ombudsman as a strategy launched by the newspaper's company. Nevertheless, the ombudsmen had an important role as media critics, and therefore in the midst of journalistic's and business' ethos. Key-words: ombudsman, journalism, media criticism, ethos.pt_BR
dc.format.extent193 f. : il. (algumas color.), tabs. ; 31 cm.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectJornalismo - Aspectos sociaispt_BR
dc.subjectEthospt_BR
dc.subjectJornalismo - Eticapt_BR
dc.titleOs cães ladram, a caravana passa e apenas ao leitor se deve reverência : o pioneirismo regional do ombudsman paraibano entre críticas, estratégias e conflito de Ethospt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record