Show simple item record

dc.contributor.advisorCavalli, Iglenir Joãopt_BR
dc.contributor.authorMathias, Carolinapt_BR
dc.contributor.otherRibeiro, Enilze Maria de Souza Fonseca, 1958-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Genéticapt_BR
dc.date.accessioned2017-03-24T18:08:15Z
dc.date.available2017-03-24T18:08:15Z
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/45687
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Iglenir João Cavallipt_BR
dc.descriptionCoorientadora : Profª. Drª. Enilze M. S. F. Ribeiropt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Genética. Defesa: Curitiba, 22/11/2016pt_BR
dc.descriptionInclui referências : f. 63-80pt_BR
dc.description.abstractResumo: O câncer de mama é o tipo mais comum dos casos de câncer diagnosticados em adultos com mutações germinativas no gene TP53, representando 27% de todos os tipos de câncer que apresentam mutação nesse gene. O estudo do gene supressor de tumor TP53 possibilitou a identificação da mutação R337H TP53 que se caracteriza por codificar uma histidina no lugar de arginina (R337H), no exon 10 do gene TP53, no domínio de tetramerização da proteína p53. Esta mutação ocorre em 95% dos pacientes pediátricos do Sul do Brasil portadores de Tumor de Córtex Adrenal (TCA), sendo de 0,27% a sua frequência populacional. Em uma análise de 171.649 recém-nascidos do Estado do Paraná, as famílias de indivíduos com a mutação R337H TP53 foram analisadas, sendo observado que o câncer de mama foi o tipo mais frequente de neoplasia encontrada nos adultos, correspondendo a 14,55% dos casos. O objetivo principal deste trabalho foi verificar, através da técnica de discriminação alélica pelo sistema TaqMan e Sequenciamento de Sanger, a frequência da mutação R337H TP53 em uma amostra de DNA tumoral de 700 pacientes portadoras de carcinomas mamários atendidas nos Hospitais Nossa Senhora das Graças e de Clínicas de Curitiba, PR, e analisar a instabilidade genômica, por array-CGH, nas pacientes com (n=5) e sem (n=9) a mutação R337H TP53. Das 700 pacientes, onze eram heterozigotas para a mutação estudada, com frequência genotípica de 0,0157 e alélica de 0,0079. A frequência genotípica observada na amostra analisada foi demonstrada ser 5,93 vezes maior do que a descrita previamente (0,27%), em uma amostra de 171.649 recém-nascidos do Estado do Paraná, indicando a relevância desta mutação na carcinogênese mamária. Após a comparação dos dados clínicos histopatológicos das pacientes com e sem a mutação, foi observada diferença estatisticamente significativa entre as médias de idade dos dois grupos de pacientes (t=1,97; P<0,05), tendo as pacientes com a mutação uma média de idade ao diagnóstico inferior (46,54 ± 14,53 anos) quando comparado com o grupo sem a mutação (55,47 ± 14,96 anos). Os resultados de análise de a-CGH no DNA das pacientes estudadas demonstrou nenhuma diferença estatisticamente significativa entre as médias das alterações cromossômicas (ganhos, perdas e total) observadas nos dois grupos de pacientes, indicando que a mutação R337H TP53 não contribui significativamente para a instabilidade genômica nas pacientes com câncer de mama portadoras dessa mutação. Palavras-chave: Câncer de mama. TP53. R337H. Genotipagem. Instabilidade genômicapt_BR
dc.description.abstractAbstract: Breast cancer is the most common cancer type diagnosed in adults with germline mutations in the TP53 gene, accounting for 27% of all of those cancers. The study of TP53 tumor supressor gene allowed the identification of R337H TP53 mutation in exon 10, resulting in an arginine-to-histidine amino acid substitution in the dimerization domain of the p53 protein. This mutation occurs in 95% of pediatric patients with adrenocortical tumors (ACT) in South of Brazil, reaching a frequency of 0.27% in this population. In a populational study involving 171.649 newborns of Paraná state, families of individuals carrying the R337H TP53 mutation were analyzed, and breast cancer was the most common type of malignancy found in this cohort (14.55%)The aim of this study was to verify, through genotyping techniques as TaqMan assay and Sanger Sequencing, the frequency of the R337H TP53 mutation in a cohort of 700 patients with breast carcinoma collected in two Institutions (Hospital Nossa Senhora das Graças and Hospital de Clínicas) from Curitiba, Paraná, and to analyze genomic instability, using array-CGH, in patients with (n=5) or without the R337H TP53 mutation (n=9). In this cohort, eleven patients were identified as heterozygous for the R337H TP53 mutation giving a genotypic frequency of 0.0157 and an allelic frequency of 0.0079. The genotypic frequency observed in this study was 5.93 times higher than the one described previously in a sample of 171.649 newborns of Paraná, implying the relevance of this mutation in breast carcinogenesis. After comparing the histopathological and clinical data of patients with and without the mutation, it was observed a statistically significant difference between the mean age of both groups (t = 1.97, P <0.05), where patients with the mutation exhibit a lower average age (46.54 ± 14.53 years) at diagnosis when compared with the group without the mutation (55.47 ± 14.96 years). CGH analysis reveal no statistically significant difference between the mean changes (chromosome gains, losses and total) observed in both groups of patients, indicating that the mutation R337H TP53 does not significantly contribute to chromosomal instability in patients with breast cancer. Keywords: Breast cancer; R337H, TP53, Genotyping, Genomic Instabilitypt_BR
dc.format.extent93 f. : il., algumas color., tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectGenéticapt_BR
dc.subjectMamas - Cancerpt_BR
dc.subjectInstabilidade genômicapt_BR
dc.titleAnálise da mutação R337H e TP53 em pacientes com carcinomas mamáriospt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record