Show simple item record

dc.contributor.authorGazzarrini, Vitorpt_BR
dc.contributor.otherVieira, José Guilherme Silva, 1976-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Curso de Graduação em Ciências Econômicaspt_BR
dc.date.accessioned2017-04-13T21:00:19Z
dc.date.available2017-04-13T21:00:19Z
dc.date.issued2015pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/44520
dc.descriptionOrientador: José Guilherme Silva Vieirapt_BR
dc.descriptionMonografia(Graduação) - Universidade Federal do Paraná,Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Curso de Ciências Econômicaspt_BR
dc.description.abstractResumo: O objetivo desse trabalho é apresentar a crítica pós-keynesiana ao regime de metas de inflação. Isso se deve ao fato que esse modelo pressupõe que a moeda seja neutra em relação a variáveis reais e que a inflação tenha sua origem no excesso da demanda agregada. Como os pós-keynesianos têm suas teorias fundamentadas a partir dos ensinamentos de Keynes e do seu principal livro "A Teoria Geral do Emprego, do Juro e da Moeda" de 1936, eles não acreditam nessas premissas do mainstream econômico. Portanto, o presente trabalho busca explicar a ótica dessa corrente heterodoxa sobre o tema e sua proposta de flexibilização do regime para economias emergentespt_BR
dc.format.extent27 f.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectInflaçaopt_BR
dc.subjectEconomia keynesianapt_BR
dc.titleA critíca pós-keynesiana ao regime de metas de inflaçãopt_BR
dc.typeMonografia Graduação Digitalpt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record