Show simple item record

dc.contributor.advisorFiori, Alberto Pio, 1950-
dc.contributor.authorCoy, Yulimar Sugey Millan
dc.contributor.otherSilveira, Claudinei Taborda da
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Terra. Programa de Pós-Graduação em Geologia
dc.date.accessioned2015-11-30T16:59:10Z
dc.date.available2015-11-30T16:59:10Z
dc.date.issued2015
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/40247
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Alberto Pio Fiori
dc.descriptionCo-orientador : Prof. Dr. Claudinei T. da Silveira
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Programa de Pós-Graduação em Geologia. Defesa: Curitiba, 25/03/2015
dc.descriptionInclui referências : f. 96-101
dc.descriptionÁrea de concentração: Geologia ambiental
dc.description.abstractResumo: O principal objetivo deste trabalho é avaliar a suscetibilidade das vertentes ante a ocorrência de escorregamentos translacionais. Uma grande variedade de métodos vem sendo propostos para compreender e avaliar a ocorrência destes processos na paisagem, entre eles, os métodos determinísticos baseados em modelos matemáticos são muitos utilizados. Estes modelos representam as características físicas do terreno e os processos envolvidos na análise da estabilidade por incluir parâmetros físicos, mecânicos, hidrológicos e morfológicos da área. No modelo preditivo empregado nesta pesquisa foi aplicada um método com enfoque quantitativo, utilizando os métodos determinísticos com base na teoria do equilíbrio-limite para o cálculo dos índices de segurança e espacialização dos resultados empregando técnicas de Sistema de Informações Geográficas (SIG). A área da pesquisa está localizada na porção paranaense do Planalto de Curitiba, a cerca de 50 km da capital, no trecho da rodovia BR-376 entre os quilômetros 658+820m e 660+690m, em uma área de 2 km² que abrange as pistas sul e norte no trecho São José dos Pinhais e Garuva. A escolha da área justificou-se pela quantidade escorregamentos translacionais ocorridos nas vertentes naturais e pela quantidade de áreas com obras de estabilização observadas, como retaludamentos e cortinas atirantadas. Várias dessas movimentações ocorreram após eventos pluviométricos muito fortes que atingiram a região no mês de março de 2011, com precipitações acumulada mensal maior a 700 mm, os quais ocasionaram prejuízos e a interrupção total do trafego no trecho da BR-376. A validação do modelo foi feita por meio do cruzamento do inventário das cicatrizes de escorregamentos, observadas em fotografias aéreas e imagens de satélite com os resultados obtidos nos mapas de fator de segurança (Fs), obtendo-se uma boa correspondência na localização das áreas com maior suscetibilidade ante a ocorrência de escorregamentos translacionais. Palavras-Chave: Escorregamentos Translacionais, Suscetibilidade, Modelos matemáticos, Fator de segurança.
dc.description.abstractAbstract: The aim of this study is to evaluate the susceptibility of the slopes before the occurrence of translational landslides. A wide variety of methods have been proposed to understand and evaluate the occurrence of these processes in the landscape, including the deterministic methods, based on mathematical models which are frequently used. These models represents better the physical characteristics of the terrain and the processes involved in the stability analysis, by including physical, mechanical, morphological and hydrological parameters of the area. In the predictive model used in this research, it was applied a methodology with quantitative approach using deterministic methods, based on the limit equilibrium theory for calculating safety rates and spatial distribution of results, using Geographic Information System techniques (GIS). The study area is located in the Paraná portion of the Curitiba Plateau, about 50 km from the capital, in the stretch of the BR-376 highway between kilometers 658 + 820 and 660 + 690, in a 2 square kilometers area, covering the slopes south and north, between São Jose dos Pinhais and Garuva. The choice of the area was justified by the amount of translational landslides occurred in the natural slopes and the amount of areas with stabilization works observed, as slope embankments and tension-curtains. Several of these movements occurred after a strong rainfall event that hit the region in March 2011, with the highest monthly accumulated rainfall of 700 mm, which caused injury and total interruption of the traffic on the stretch of the BR-376. The model was validated by crossing the inventory of landslide scars, observed in aerial photographs and satellite image, with the results obtained in the safety factor maps (Fs), resulting in a 90% of correspondence on location areas with the higher prevalence of occurrence of translational landslides. Keywords: Translational landslides, Susceptibility, Mathematical models, Safety factor.
dc.format.extent101 f. : il. algumas color., mapas., grafs., tabs.
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.languagePortuguês
dc.relationDisponível em formato digital
dc.subjectGeologia
dc.titleAvaliação da suscetibilidade das vertentes de um trecho da BR-376, entre os km 658+820 m e 660+690 m, PR
dc.typeDissertação


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record