Show simple item record

dc.contributor.advisorBolzón de Muñiz, Graciela Inéspt_BR
dc.contributor.authorAmaral, Deisept_BR
dc.contributor.otherAbreu, Heber dos Santos, 1953-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestalpt_BR
dc.date.accessioned2019-01-30T17:27:44Z
dc.date.available2019-01-30T17:27:44Z
dc.date.issued2014pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/40042
dc.descriptionOrientadora : Profª. Drª. Graciela Ines Bolzon de Munizpt_BR
dc.descriptionCoorientador : Prof. Dr. Heber dos Santos Abreupt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal. Defesa: Curitiba, 13/10/2014pt_BR
dc.descriptionInclui referências : f. 141-152pt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração : Tecnologia e utilização de produtos florestaispt_BR
dc.description.abstractResumo: Os nós são considerados um dos defeitos mais prejudiciais a aplicação da madeira. Sua ocorrência é inerente a cada espécie, fazendo parte da fisiologia natural da árvore, mas, em espécies florestais de interesse econômico, são considerados prejudiciais por reduzir o valor comercial de peças de madeira. Pela sua influência nas propriedades tecnológicas da madeira, mercados de comercialização de produtos florestais elaboram normas de classificação específicas e institutos de pesquisas viabilizam estudos com intuito de avaliar sua interferência, minimizar sua ocorrência, reduzir os prejuízos causados por eles e expandir possibilidade de utilização em outros fins, mas apesar dos inúmeros trabalhos científicos divulgados a respeito de nós, existe uma lacuna de conhecimento básico sobre sua composição química e arranjo anatômico. Neste contexto, a finalidade desse trabalho é fornecer informações sobre dinâmica de elementos químicos e anatômicos que formam os nós. A espécie utilizada para o estudo foi o Pinus elliottii var. elliottii, largamente utilizado na indústria de papel e celulose e também utilizada para a produção de madeira processada. Para dar suporte ao trabalho, o Capítulo 1 apresenta revisão de estudos e pesquisas sobre o assunto. O detalhamento do estudo anatômico é apresentado no Capítulo 2: caracterização anatômica de nós em Pinus elliottii var. elliottii e o estudo químico, apresentado no Capítulo 3: estudo químico de lignina e celulose em madeira de nós de Pinus elliottii var. elliottii. No estudo anatômico, os resultados indicaram que os elementos de estudos do desenvolvimento das traqueídes (comprimento, espessura da parede, diâmetro total e de lume) apresentaram características específicas, em padrões distintos dos observados para a madeira de entorno dos nós. Nos estudos químicos foi identificada a existência de um gradiente crescente de percentual de lignina e cristalinidade da molécula de celulose entre regiões de nó, madeira livre de nó e transição; formação de estrutura mais aldeídicas em ligninas da madeira livre de nó ocorrente no entorno do nó e lignificação em estágio de maturação mais avançado nas amostras de nós. Palavras-chave: Pinus elliottii; nós; anatomia; lignificação; cristalinidade da celulose.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The knots are considered one of the most harmful defects the application timber. Its occurrence is inherent in each species, part of the natural physiology of the tree, but tree species of economic interest, are considered harmful by reducing the commercial value of wood pieces. By its influence on technological properties of wood, commercialization of forest products markets elaborate standards of specific classification and research institutes enable studies designed to assess their interference, minimize its occurrence, reduce the harm caused by them and expand the possibility of using other purposes, but despite numerous scientific papers published about knots, there is a lack of basic knowledge about their chemical composition and anatomical arrangement. In this context, the purpose of this work is to provide information on the dynamics of chemical and anatomical elements that form the knots. The species used for the study was the Pinus elliottii var. elliottii, widely used in the pulp and paper industry and also used for the production of processed wood. To support the work, Chapter 1 presents review of studies and research on the subject. The details of the anatomical study is presented in Chapter 2: anatomical characterization of knots in Pinus elliottii var. elliottii and the chemical study, presented in Chapter 3: Chemical study of lignin and cellulose in wood of Pinus elliottii var. elliottii. In the anatomical study, the results indicated that the elements of studies of the development of tracheids (length, wall thickness, overall diameter and volume) presented specific characteristics in different patterns observed for the wood around the knots. In chemical studies has identified the existence of a gradient increasing percentage of lignin and cellulose crystallinity of the molecule between knots regions, clear wood and transition; formation of more aldehydic wood lignin structure in clear wood occurring in the vicinity of the knot and lignification in more advanced stage of maturation in samples from knots. Keywords: Pinus elliottii; knots; Anatomy; lignification; cellulose crystallinity.pt_BR
dc.format.extent153 f. : il. algumas color., tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectRecursos Florestais e Engenharia Florestalpt_BR
dc.subjectMadeira - Anatomiapt_BR
dc.subjectMadeira - Quimicapt_BR
dc.subjectMadeira - Defeitospt_BR
dc.subjectPinus elliottiipt_BR
dc.titleAnatoquímica de nós de Pinus elliottii var. elliottiipt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record