Show simple item record

dc.contributor.authorFrança, Ramiro Faria
dc.contributor.otherBolzón de Muñiz, Graciela Inés
dc.contributor.otherNisgoski, Silvana
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal
dc.date.accessioned2015-10-21T18:15:25Z
dc.date.available2015-10-21T18:15:25Z
dc.date.issued2015
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/38823
dc.descriptionOrientadora : Profª. Drª. Graziela Inéz Bolzon de Muñiz
dc.descriptionCo-orientadora : Profª. Drª. Silvana Nisgoski
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal. Defesa: Curitiba, 09/02/2015
dc.descriptionInclui referências (fls. 78-94)
dc.descriptionÁrea de concentração : Tecnologia e utilização de produtos florestais
dc.description.abstractResumo: O objetivo deste trabalho é fornecer informações acerca da madeira e do carvão vegetal de seis espécies da Caatinga, avaliando o potencial destas para geração de energia e, com a descrição anatômica, viabilizar uma ferramenta para a identificação e fiscalização destas espécies no comércio de madeiras nativas do nordeste brasileiro. As espécies pesquisadas foram: Luetzelburgia auriculata, Mimosa tenuiflora e Poincianella bracteosa (Fabaceae); Combretum leprosum (Combretaceae); Croton argyrophylloides e Jatropha mutabilis (Euphorbiaceae), todas provenientes de uma região no interior do estado da Paraíba. As amostras foram divididas, parte para análise da madeira e parte para carbonização. Foram realizados os estudos anatômicos das madeiras e dos carvões, bem como a avaliação das propriedades físicas e químicas das espécies. A análise do carvão demonstrou que é possível realizar a identificação das espécies mesmo após o regime de carbonização: a anatomia da madeira se conserva com alterações quantitativas no carvão vegetal. O valor médio do poder calorífico superior encontrado foi de 4475 kcal/kg em madeiras, geralmente com altos teores de cinzas e de 6760 kcal/kg em carvões vegetais. Algumas espécies apresentaram resultados satisfatórios do ponto de vista de geração de energia e recomenda-se a continuação de pesquisas nesta linha com outras espécies da Caatinga. Palavras - chave: Anatomia do lenho, energia da biomassa, madeiras nativas, carbonização.
dc.description.abstractAbstract: The objective of this study is to provide information about wood and charcoal of six species from Caatinga, evaluating the potential of these for power generation and, with the aid anatomical description, develop a tool for the identification and supervising these species in native wood trade in Northeastern of Brazil. The studied species were Luetzelburgia auriculata, Mimosa tenuiflora and Poincianella bracteosa (Fabaceae); Combretum leprosum (Combretaceae); Croton argyrophylloides and Jatropha mutabilis (Euphorbiaceae), all from a region in the state of Paraiba, Brazil. The samples were divided for the wood analysis and carbonization process. The anatomical studies of woods, charcoals and the evaluation of the physical and chemical properties of the species were made. The analysis of charcoal has shown that it is possible to identify species even after the carbonization regime, as wood anatomy is conserved with quantitative changes in charcoal. The average of the gross calorific value was 4475 kcal/kg for the wood, usually with high ash content and 6760 kcal/kg for charcoals. Some species showed satisfactory results of power generation and is recommended the continuous with other species of the Caatinga. Keys - words: Wood anatomy, biomass energy, native woods, carbonization.
dc.format.extent100 f. : il. algumas color., tabs.
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.languagePortuguês
dc.relationDisponível em formato digital
dc.titleEstrutura anatômica da madeira e do carvão de espécies da caatinga
dc.typeDissertação


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record