Show simple item record

dc.contributor.authorSilva, Dâmaris Araújo dapt_BR
dc.contributor.otherBiondi, Danielapt_BR
dc.contributor.otherBatista, Antonio Carlos, 1956-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestalpt_BR
dc.date.accessioned2015-05-13T17:06:47Z
dc.date.available2015-05-13T17:06:47Z
dc.date.issued2015pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/37995
dc.descriptionOrientadora : Profª. Drª. Daniela Biondipt_BR
dc.descriptionCo-orientador : Prof. Dr. Antônio Carlos Batistapt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal. Defesa: Curitiba, 11/02/2015pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração : Conservação da naturezapt_BR
dc.description.abstractResumo: A mangueira (Mangifera indica L.) é uma das principais espécies que compõe a arborização da cidade de Belém, tendo grande importância no meio sociocultural. Por isso foram tombadas pelo patrimônio histórico e consideradas um bem de uso comum. O objetivo geral desta pesquisa foi realizar uma avaliação quali-quantitativa das mangueiras existentes no distrito administrativo de Belém (DABEL) e analisar a percepção dos moradores quanto à espécie. O trabalho foi desenvolvido a partir do levantamento quantitativo das mangueiras plantadas nas ruas urbanizadas, sendo percorrido todo o distrito de Belém para conhecer a população desta espécie (9%). Para o inventário qualitativo utilizou-se o método de amostragem aleatória. Para avaliar a percepção dos moradores foram entrevistados 11% da população do distrito. Foram encontradas 2.649 mangueiras no distrito de Belém. Os bairros Nazaré, Batista Campos e Umarizal foram os que apresentaram maior quantidade de calçadas arborizadas com mangueira, totalizando aproximadamente 63%. Encontrou-se em média 7 mangueiras por quilômetro de calçada. A aplicação dos índices espaciais indicou uma ausência de mangueiras nas ruas. As distâncias das estruturas urbanas em relação às mangueiras foram consideradas adequadas, porém houve uma incompatibilidade entre a projeção da rede aérea com o porte das mangueiras. A curva gerada pela distribuição das mangueiras em classes de altura apresentou-se de forma unimodal, caracterizando uma população arbórea de grande porte. A distribuição das classes diamétricas apresentou uma tendência de curva de distribuição contínua, indicando maior concentração de mangueiras em estágio maduro e moderada quantidades de plantios recentes ou reposições. A condição de copa foi considerada em estado geral regular (68,5%), enquanto que 57,56% das mangueiras apresentaram raízes pouco superficiais. Há predominância de plantios antigos e a distribuição espacial das mangueiras apresentou-se de forma heterogênea, com 35,18% do plantio concentrada apenas no bairro de Nazaré. Verificou-se que 87,83% das entrevistas foram aplicadas em locais residenciais. Constatou-se que 86,84% dos entrevistados apresentaram preferência predominante pelas mangueiras em suas ruas, enquanto que 41,45% perceberam a importância da arborização com mangueira, por propiciar vários benefícios aos moradores da cidade. Verificou-se que apenas 22,03% dos entrevistados tiveram participação na manutenção das mangueiras. Constatou-se ainda que 70% dos entrevistados perceberam pelo menos dois danos nas árvores. Recomenda-se que o órgão responsável pela arborização viária da cidade de Belém realize monitoramento e manejo das mangueiras. Palavras-chave: Arborização urbana. Avaliação da arborização viária. Percepção ambiental. Espécie frutífera. Inventário.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: The mango tree (Mangifera indica L.) is one of the main plant species which composes the Belem's urban forestry, having a significant sociocultural importance. Therefore, it was recognized as a historical patrimony of the city and became a common wealth. The main goal of this research was to do a qualitative and quantitative evaluation of the mango trees that are placed in Belém - PA (DABEL) and analyses the awareness of the citizens among the specie. This study was developed based on a quantitative survey of the mango trees planted on urbanized streets, been covered the entire district of Belém aiming to recognize the population of this specie (9%). The qualitative inventory was made by the random sampling method. To evaluate the awareness of the citizens, 11% of Belem's populations were interviewed. There were founded 2,649 mango trees in Belém. The neighborhoods Nazaré, Batista Campos and Umarizal were the ones that presented the greatest quantities of sidewalks wooded with mango trees, totalizing approximately 63%. Furthermore, there were founded an average of 7 mango trees per kilometer of sidewalk. The application of spatial indexes indicated a shortage of mango trees. The distances of the urban elements in relation to the mango trees were considered suitable. However, there was an incompatibility between the air network projections and the mango trees' statures. The obtained curve by the distribution of the mango trees into height classes presented a unimodal form, characterizing an arboreal population of great size. The distribution of the diametric classes presented a continuous tendency of the curve, indicating the largest concentration of mango trees in the mature stage and moderated quantity of recent plantations or repositions. The canopy condition was generally regarded as regular state (68.5%), while the mango trees presented little shallow roots (57.56%). There is predominance of old plantations and the spatial distribution of the mango trees presented itself a heterogeneous form, with 35.18% of planting concentrated only in Nazaré neighborhood. It was verified that 87.83% of the interviews were applied in residential areas. In addition, 86.84% demonstrated a predominant preference for mango trees in their sidewalks, while 41.45% realized the importance of afforestation with mango trees in order to provide several benefits to citizens. It was also noticed that 70% observed at least two damages among the trees. It is recommended that the responsible organization for afforestation in Belém perform monitoring and management actions among mango trees. Keywords: Urban arborization. Evaluation of street trees. Environmental awareness. Fruitful specie. Inventory.pt_BR
dc.format.extent92f. : il. algumas color., grafs, tabs., maps.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.titleAvaliação quali-quantitativa da mangueira (Mangifera indica L.) na arborização viária e percepção dos moradores da cidade de Belém - PApt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record