Show simple item record

dc.contributor.authorHermann, Ana Paulapt_BR
dc.contributor.otherLacerda, Maria Ribeiro, 1956-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Enfermagempt_BR
dc.date.accessioned2014-12-19T10:44:07Z
dc.date.available2014-12-19T10:44:07Z
dc.date.issued2014pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/36793
dc.descriptionOrientadora: Profª Drª Maria Ribeiro Lacerdapt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem. Defesa: Curitiba, 12/08/2014pt_BR
dc.descriptionInclui referênciaspt_BR
dc.descriptionÁrea de concentração: Prática profissional de enfermagempt_BR
dc.description.abstractResumo: HERMANN, A. P. A vivência em ensinar e aprender o cuidado domiciliar nos cursos de graduação em saúde. 2014. 196 f. Tese [Doutorado em Enfermagem] - Universidade Federal do Paraná, Curitiba. Orientadora: Profª. Drª. Maria Ribeiro Lacerda. Com o intuito de incitar reformas no modelo de ensino dos profissionais de saúde, que historicamente direcionou a formação profissional para uma base biológica, orientada pela especialização e pela pesquisa experimental, centrada no ambiente hospitalar, foram instituídas, entre 2001 e 2002, as Diretrizes Curriculares Nacionais dos cursos de enfermagem, farmácia, medicina, nutrição, odontologia e terapia ocupacional, que afirmam que a formação do profissional de saúde deve contemplar o sistema de saúde vigente no país, o trabalho em equipe e a atenção integral à saúde. Nesse sentido, os cursos de graduação da área da saúde precisam considerar o ensino do Cuidado Domiciliar (CD), que é uma prática profissional em expansão no sistema de saúde. Assim, os objetivos desta pesquisa foram interpretar como o ensinar e aprender do cuidado domiciliar é vivenciado por discentes, docentes e egressos dos cursos de graduação em enfermagem, farmácia, medicina, nutrição, odontologia e terapia ocupacional da Universidade Federal do Paraná (UFPR); construir uma teoria substantiva que explicite a vivência em ensinar e aprender o cuidado domiciliar nesses cursos; e, como contribuição, propor estratégias que subsidiem a incorporação de conteúdos e práticas sobre o cuidado domiciliar nos referidos cursos. O Pensamento Complexo, segundo Edgar Morin, foi o referencial teórico adotado. Trata-se de pesquisa qualitativa, que utilizou como método a Teoria Fundamentada nos Dados, aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa do Setor de Ciências da Saúde da UFPR, sob o Registro CEP/SD: 631.168.08.10 e CAAE: 0062.0.091.000-08. Para construção da teoria substantiva, foram entrevistados três grupos amostrais. O primeiro grupo foi composto por 37 acadêmicos que cursavam o último ano da graduação dos 06 cursos mencionados; o segundo foi composto por 16 docentes dos 06 cursos mencionados, que abordavam conteúdos referentes ao CD em sala de aula ou estágio; e o terceiro grupo amostral foi composto por 10 egressos dos 06 cursos mencionados que atuam no CD, seja na iniciativa pública ou privada. Ao todo, foram realizadas 63 entrevistas semiestruturadas. A análise dos dados consistiu na codificação aberta, axial e seletiva, que permitiu interpretar o fenômeno "A vivência em ensinar e aprender o cuidado domiciliar nos cursos de graduação em saúde", que tem como categoria central "Ensinando e aprendendo o cuidado domiciliar nos cursos de graduação em saúde". As causas do fenômeno foram explicitadas na categoria "Articulando conhecimentos sobre o CD"; as estratégias, na categoria "Vivenciando a singularidade do CD"; as condições intervenientes, na categoria "Compreendendo as características multidimensionais do CD"; o contexto, na categoria "Compreendendo o CD no sistema de saúde; e as consequências, na categoria "Transformando o pensamento sobre a formação profissional em CD". A teoria substantiva construída permitiu comprovar a tese de que a complexidade do cuidado domiciliar torna indispensável seu ensinar e aprender nos cursos de graduação em enfermagem, farmácia, medicina, nutrição, odontologia e terapia ocupacional. Existem inúmeras particularidades no CD que precisam ser entendidas para que a atuação profissional considere paciente, cuidador, familiares, redes sociais e as relações envolvidas nesse processo, sendo essencial a formação profissional específica para atuação no CD. Palavras-chave: Assistência domiciliar. Saúde. Educação superior. Formação de recursos humanos. Complexidade.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: HERMANN, A. P. The teaching and learning experience for home care in health undergraduate courses. 2014. 196 f. Thesis [Ph.D. in Nursing] - Federal University of Paraná, Curitiba. Advisor: Profª. Drª. Maria Ribeiro Lacerda. In order to encourage renovations in the teaching model for health professionals, which historically has guided their training based on biological issues, driven by specialization and experimental research focused on hospital settings, between 2001 and 2002, the National Curriculum Guidelines for the courses in nursing, pharmacy, medicine, nutrition, dentistry, and occupational therapy were established claiming that the training of health professionals should consider the current health system in the country, teamwork, and comprehensive health care. In this sense, the undergraduate courses in the health care area are required to consider the teaching of Home Care (HC), which is an expanding professional practice in the health system. Thus, this study aimed: (1) to analyze the teaching and learning for the home care that is experienced by students, teachers, and graduates from courses in Nursing, Pharmacy, Medicine, Nutrition, Dentistry, and Occupational Therapy from the Universidade Federal do Paraná (UFPR) (Federal University of Paraná); (2) to build a substantive theory that explains the teaching and learning experience for home care in these courses; and (3) as a contribution, to propose strategies that support incorporation of contents and practice on home care in those courses. The used theoretical approach was The Complex Thinking, according to Edgar Morin. This is a qualitative research that used the Grounded Theory method (GT) approved by the Comitê de Ética em Pesquisa (CEP/SD) (Ethics Committee in Research) of the Department of Health Sciences of UFPR under the registry CEP/SD n. 631.168.08.10 and CAAE n. 0062.0.091.000-08 (CAAE - Certificado de Apresentação para Apreciação Ética - Certificate of Presentation for Ethical Appreciation). Three sample groups were interviewed for the substantive theory construction. The first group was composed by 37 students who attended the last year of undergraduate in the 6 listed courses; the second group was composed by 16 teachers from the 6 listed courses that addressed content related to HC in the classroom or training period; and the third sample group was composed by 10 graduates from the 6 listed courses working in HC whatever public or private sector. A total of 63 semi-structured interviews were carried out. Data analysis was based on open, axial, and selective coding, which allowed to interpret the phenomenon - "The teaching and learning experience in home care in undergraduate courses in health" - which has as its central category "Teaching and learning home care in undergraduate health courses." The phenomenon causes were explained by the "Linking knowledge about the HC" category; strategies were explained by the "Experiencing the uniqueness of the HC" category; intervening conditions were explained by the "Understanding the multidimensional characteristics of the HC" category; the context was explained by the "Understanding the HC in the health system" category; and consequences were explained by the "Transforming thinking about professional training on HC" category. The constructed substantive theory was able to prove the thesis that the complexity of home care becomes the teaching and learning indispensable in undergraduate courses in nursing, pharmacy, medicine, nutrition, dentistry, and occupational therapy. There are many special features on the HC that need to be understood by professionals so that their performance takes into account the patient, caregiver, family, social networks, and involved relationships in this process; so, specific training is fundamental to operate the HC. Keywords: Home care. Health. Higher education. Staff development. Complexity.pt_BR
dc.format.extent196f. : il., tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectEnfermagempt_BR
dc.subjectAssistência domiciliarpt_BR
dc.subjectProfissionais de saúdept_BR
dc.subjectEnsino superiorpt_BR
dc.subjectEnfermagempt_BR
dc.titleA vivência em ensinar a aprender o cuidado domiciliar nos cursos de graduação em saúdept_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record