Show simple item record

dc.contributor.authorMarkus, Jandrei Rogériopt_BR
dc.contributor.otherCarvalho, Vania Oliveira dept_BR
dc.contributor.otherMarinoni, Leide Parolin, 1931-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescentept_BR
dc.date.accessioned2014-02-06T12:30:30Z
dc.date.available2014-02-06T12:30:30Z
dc.date.issued2013pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/34729
dc.description.abstractResumo: Introdução: O uso da tecnologia digital trouxe novas perspectivas para os acervos das bibliotecas e a digitalização é uma necessidade para sua conservação. A transformação dos arquivos físicos existentes no formato digital resulta na manutenção da qualidade. O processo de digitalização propicia a codificação dos documentos capturados por meio de scanner ou máquina fotográfica digital e disponibilizá-los em forma de imagem, texto ou som para armazenagem, transmissão e localização dos arquivos em sistemas informatizados. O acervo de slides 35mm do Serviço de Dermatologia Pediátrica constitui-se de todas as fotografias confeccionadas desde o início da década de 70. Estes slides permanecem em armários próprios para armazenamento de slides e são mantidos pela Prof.ª Leide Parolin Marinoni. Objetivos: Digitalizar o acervo iconográfico de slides 35mm do Serviço de Dermatologia Pediátrica do Departamento de Pediatria da Universidade Federal do Paraná e catalogar um acervo de imagens digitais. Métodos: Trata-se de um estudo documental ambispectivo com digitalização do acervo de slides de fotos de pacientes ou imagens de exames dos mesmos no referido serviço. Os slides que continham textos foram excluídos da digitalização. As imagens foram digitalizadas na resolução de 600ppp utilizando arquivos com formato BMP. Após a identificação foram mantidas no acervo as imagens digitais que apresentavam qualidade técnica adequada para utilizar em aulas e em publicações científicas. As imagens que não apresentavam objetivo didático, provenientes de livros ou apresentavam deterioração, foram excluídas do acervo digital. Resultados: O acervo iconográfico era constituído de 10.133 slides, foram digitalizados 9.769 (96,4%). As imagens digitais foram analisadas por dois pesquisadores para sua avaliação. Entre as imagens digitalizadas, 171 (1,7%) eram de figuras escaneadas de livros e 770 (7,6%) estavam desfocadas. Foram revisados os prontuários para confirmação do diagnóstico de 836 (8,3%) imagens sendo 798 (7,9%) incluídas. Após a revisão, 148 (1,5%) apresentavam dúvida no diagnóstico sendo que estas foram avaliadas por um terceiro especialista e em 68 (0,7%) delas tiveram os seus diagnósticos confirmados e foram incluídas no acervo. As 80 (0,8%) imagens restantes foram adicionadas as 155 (1,5%) que haviam sido excluídas pelos dois especialistas totalizando 235 (2,3%) imagens sem objetivos e que foram retiradas do acervo. Ao final foram mantidas no acervo digital 8.593 (84,8%) imagens. As imagens do acervo foram armazenadas em 2 computadores do serviço e adicionados ao Picasa® permitindo a busca de imagens de maneira prática e rápida. Conclusão: A digitalização de slides propiciou a recuperação, organização e manutenção das imagens de doenças, tanto dermatológicas como de algumas especialidades pediátricas, infrequentes e comuns e irá proporcionar maior facilidade para a confecção de aulas e material didático para publicações.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleOrganização da documentação iconográfica de um serviço terciário de dermatologia pediátricapt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record