Show simple item record

dc.contributor.authorCunha, Josafá Moreira dapt_BR
dc.contributor.otherWeber, Lidia Natalia Dobrianskyjpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2014-01-16T19:57:31Z
dc.date.available2014-01-16T19:57:31Z
dc.date.issued2012pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/34643
dc.description.abstractResumo: No presente trabalho examina-se a associação entre a vitimização entre pares e o ajustamento acadêmico, avaliando como os comportamentos docentes podem exacerbar ou reduzir o impacto da vitimização no ajustamento escolar. Uma abordagem com múltiplos estudos é utilizada para investigar a questão de pesquisa. No primeiro estudo, foi conduzida análise secundária dos dados do Sistema de Avaliação da Educação Brasileira (SAEB) dos anos 2003 e 2005, investigando como o suporte social de amigos, pais e professores pode moderar a associação entre o desempenho acadêmico e adversidades no clima escolar, por meio de uma abordagem multinível. Foi verificado que o suporte docente tem efeitos moderadores únicos, reduzindo o impacto prejudicial de um clima escolar adverso no desempenho acadêmico, junto dos efeitos relacionadas a pais e amigos. No segundo estudo, 691 estudantes do segundo ciclo do Ensino Fundamental (6º a 9º Anos) de uma escola Pública na cidade de Curitiba (PR) completaram uma série de medidas sobre vitimização entre pares, engajamento acadêmico e qualidade de relacionamento professor-aluno. Uma análise de regressão multinível revelou que a associação entre a vitimização entre pares e o engajamento acadêmico é moderada por aspectos específicos da qualidade de relação do professor com a turma em que o estudante se insere, para além dos efeitos moderadores do relacionamento individual professoraluno. Por fim, o terceiro estudo analisa as atitudes e intervenções de 70 professores do ensino fundamental diante de situações de vitimização entre pares. Os participantes completaram um questionário contendo sete vinhetas ilustradas apresentando situações de agressão direta e relacional. Os resultados apresentam estratégias específicas sugeridas por docentes diante de cenários de vitimização, sendo que a associação entre tais estratégias e a percepção docente sobre a vitimização é também analisada. Juntos, os três estudos enfatizam como aspectos específicos e globais da qualidade da relação entre professores e estudantes moderam os efeitos potencialmente danosos da vitimização no ajustamento acadêmico, reduzindo ou em alguns casos exacerbando tal impacto. Diante dos resultados que enfatizam como professores podem contribuir para reduzir o impacto da vitimização e climas escolares adversos no ajustamento acadêmico, é fundamental promover o desenvolvimento das habilidades interpessoais de professores.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTeses - Educaçãopt_BR
dc.subjectViolencia escolarpt_BR
dc.subjectProfessores e alunospt_BR
dc.subjectAmbiente de sala de aulapt_BR
dc.subjectBullying nas escolaspt_BR
dc.titleO papel moderador de docentes na associação entre a violência escolar e ajustamento acadêmicopt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record