Show simple item record

dc.contributor.authorkremer, Rodrigo Leitept_BR
dc.contributor.otherCavalieri, Marco Antonio Ribaspt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Econômicopt_BR
dc.date.accessioned2013-12-17T11:30:56Z
dc.date.available2013-12-17T11:30:56Z
dc.date.issued2013pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/33902
dc.description.abstractResumo: Esta tese abordará a evolução da economia matemática na história do pensamento econômico a partir da sociologia da ciência de Pierre Bourdieu. O caráter inovador do trabalho reside em dois pontos. O primeiro é a aplicação à história do pensamento econômico do artigo de Bourdieu "Le champ scientifique. Actes de Ia Recherche en Sciences Sociales". O segundo se relaciona a extensão da discussão da matematização da economia ao caso soviético, não se restringindo a análise à teoria econômica ocidental. O papel exercido pelo Estado e pelas instituições paraestatais foi decisivo na orientação da trajetória da teoria econômica na segunda metade do século XX. Para comprovar essa hipótese, serão analisadas as biografias de alguns dos principais pesquisadores envolvidos no processo (Tjalling Koopmans, Gerard Debreu, Paul Samuelson e Leonid Kantorovich).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectCooperativismopt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleA evolução da economia matemática na história do pensamento econômicopt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record