Show simple item record

dc.contributor.advisorMelo, Vander de Freitas, 1966-pt_BR
dc.contributor.authorGhidin, Andre Ademirpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Agronomiapt_BR
dc.date.accessioned2013-10-31T16:34:18Z
dc.date.available2013-10-31T16:34:18Z
dc.date.issued2013-10-31
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/32959
dc.description.abstractResumo: Com o objetivo de relacionar os teores e características físicas dos minerais da fração argila com algumas propriedades físicas dos solos, foram estudadas duas classes de latossolos (LATOSSOLO BRUNO Ácrico húmico - LBw e LATOSSOLO VERMELHO Distroférrico húmico - LVdf), com diferentes estágios de intemperismo (oxídico e caulinítico) originários de rochas vulcânicas da Formação Serra Geral, no Estado do Paraná. Para cada classe de solo foi selecionada uma toposseqüência, onde foram analisadas amostras deformadas e indeformadas do horizonte B em diferentes posições na paisagem. Através de análises químicas e mineralógicas, observou-se que os minerais da fração argila foram compostos principalmente por caulinita (Ct), gibbsita (Gb), goethita (Gt) e hematita (Hm), em diferentes concentrações entre os latossolos e ao longo de cada toposseqüência. Além da posição no relevo, o teor de Si do material de origem influenciou nos teores dos minerais da fração argila. Por meio de análises físicas observou-se que as características associadas à estrutura do horizonte B foram marcadamente influenciada pela composição mineralógica da fração argila. A Hm, Gt e Gb foram responsáveis pela melhoria dos atributos físicos do LBw, conferindo ao solo aumento na macroporosidade, porosidade total (Pt) e redução na densidade do solo (Ds). Verificou-se influência oposta para a Ct. As correlações entre os atributos físicos e teores de Ct, Gb, Hm e Gt na fração argila não foram significativas para o LVdf. Aparentemente, os óxidos de Fe e Al de baixa cristalinidade foram mais importantes no incremento da macroporosidade e Pt dos horizontes do LVdf. O comportamento físico do solo foi comprovado pelo exame micromorfológico. No LBw à medida que aumentou o teor de caulinita e diminuiu o teor de óxidos de ferro e alumínio, a estrutura em blocos passou a predominar, tornando o solo mais denso. As propriedades cristalográficas dos minerais da fração argila apresentaram, de maneira geral, participação discreta nas propriedades físicas dos Latossolos.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectMineralogia do solo - Paranápt_BR
dc.subjectSolos vulcanicos - Paranápt_BR
dc.subjectSolos - Formação - Paranápt_BR
dc.subjectIntemperismopt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleInfluencia dos minerais da fraçao argila nas propriedades físicas de duas classes de latossolos no estado do Paranápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record