Show simple item record

dc.contributor.advisorMaranhão, Clayltonpt_BR
dc.contributor.authorSilva, Camila Feltrinpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Parana. Setor de Ciencias Juridicas. Curso de Graduação em Direitopt_BR
dc.date.accessioned2013-07-08T13:53:27Z
dc.date.available2013-07-08T13:53:27Z
dc.date.issued2013-07-08
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/31115
dc.description.abstractResumo: O presente trabalho buscou analisar, em uma perspectiva que se pretende imparcial, o funcionamento do instituto processual a que se refere o artigo 543-C, adicionado ao Código de Processo Civil pela Lei 12.672/2008: o julgamento por amostragem de recursos especiais repetitivos. Ainda, com base na legislação, doutrina e jurisprudência pertinentes ao tema, procedeu-se à investigação de alguns aspectos polêmicos apurados no decorrer da aplicação prática do referido instituto. Sem esgotar todas as possibilidades de críticas em relação ao procedimento, procurou-se, sobretudo, aclarar pontos obscuros do julgamento "por atacado" na esfera cível, contribuindo, assim, para sua melhor compreensão. O trabalho demonstra que as dificuldades processuais que emergem no dia-a-dia forense devem-se, em grande parte, ao fato de que o instituto fora recentemente incluído no ordenamento, mas, também, às omissões por parte do legislador. Ainda, revela que o instituto, com nítida influência do sistema common law, traz em seu bojo uma necessária ponderação entre princípios processuais, a fim de depreciar alguns deles, com o objetivo de promover a celeridade processual e a uniformização da jurisprudência, valores estes que passam a caracterizar um interesse públicopt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectRecursos (Direito)pt_BR
dc.subjectJulgamentospt_BR
dc.titleAspectos polêmicos do julgamento de recursos repetitivos por amostragempt_BR
dc.typeMonografia Graduaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record