Show simple item record

dc.contributor.authorZonta, Camilapt_BR
dc.contributor.otherNadal, Carlos Aurelio, 1955pt_BR
dc.contributor.otherPrata, José Guilhermept_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias da Terra. Programa de Pós-Graduaçao em Ciencias Geodésicaspt_BR
dc.date.accessioned2013-06-21T14:12:50Z
dc.date.available2013-06-21T14:12:50Z
dc.date.issued2013-06-21
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/30606
dc.description.abstractResumo: Uma parceria entre o Laboratório de Instrumentação Geodésica e o Laboratório de Tecnologia da Madeira, ambos da Universidade Federal do Paraná, possibilitou o desenvolvimento deste projeto. A junção das áreas, Levantamento Geodésico e Tecnologia da Madeira, mostra-se um conjunto inovador na avaliação de ensaios estruturais e monitoramento de estruturas de madeira. Desta forma, realizaram-se neste trabalho ensaios de flexão estática em painéis compensados de madeira com uso de uma Máquina Universal de Ensaios e, associado a este ensaio, aplicou-se o monitoramento geodésico de pontos pré-definidos nos corpos de prova através do método de irradiação tridimensional. Para a aplicação do método geodésico utilizou-se da estação total TC2003 (Leica), sendo que os corpos de prova foram monitorados em três fases: primeira fase - corpo de prova estático; segunda fase - corpo de prova na primeira paralisação da máquina de ensaios e terceira fase - corpo de prova na segunda paralisação da máquina de ensaios. Entretanto, como a estação total TC2003 necessita de prismas ou adesivos refletores para a realização das visadas, testaram-se a aplicabilidade dos adesivos refletores para o monitoramento previsto. Comprovando esta aplicabilidade, puderam-se utilizar os adesivos refletores nos pontos pré-definidos para o monitoramento nos painéis compensados. No final de cada ensaio estrutural foram analisadas as flechas de deslocamento e o módulo de elasticidade para cada corpo de prova em cada método (ensaio de flexão e método de irradiação). Como também, avaliou-se o comportamento tridimensional dos corpos de prova, desta forma, monitorando pontos nos painéis compensados que ainda não foram possíveis de serem mensurados com o ensaio estrutural convencional. A comparação das flechas entre os métodos apresentou diferenças irrelevantes, a ponto de interferir numa média de 1,56% no resultado da flecha admissível para o tipo de corpo de prova testado. Na avaliação do módulo de elasticidade, observou-se uma média de 0,67% na diferença na carga máxima admissível. Estatisticamente comprovou-se que, tanto os resultados das flechas como os resultados dos módulos de elasticidade não diferem entre os métodos. Desta forma, não acarretam alterações na análise de resistência para os painéis analisados. Na avaliação do comportamento tridimensional notou-se que, todos os corpos de prova testados apresentaram na primeira fase (estático) defeitos no que diz respeito a sua planura e sua colocação perfeitamente horizontal na máquina de ensaios. Apesar de esperar-se, baseado nas equações da mecânica, que as extremidades do painel apresentem um comportamento linear, observou-se que, durante os ensaios os corpos de prova buscam uma adaptação na distribuição das cargas. Desta forma, pôde-se confirmar que o método de irradiação tridimensional apresentou uma nova proposta de método de verificação para ensaios estruturais de madeira, incorporando ainda, uma análise tridimensional do comportamento de cada corpo de prova durante o ensaio estrutural.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectDissertaçõespt_BR
dc.subjectCompensados de madeirapt_BR
dc.subjectMadeira - Estruturaspt_BR
dc.subjectLevantamentospt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleMonitoramento geodésico tridimensional aplicado em ensaios estruturais de painéis compensados de madeirapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record