Show simple item record

dc.contributor.advisorFoerster, Luis A. (Luis Amilton), 1947-pt_BR
dc.contributor.authorFavetti, Bruna Magdapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Biológicas. Programa de Pós-Graduaçao em Zoologiapt_BR
dc.contributor.otherButnariu, Alessandra Reginapt_BR
dc.date.accessioned2013-08-06T15:35:34Z
dc.date.available2013-08-06T15:35:34Z
dc.date.issued2013-08-06
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/30490
dc.description.abstractResumo: Spodoptera eridania (Cramer) (Lepidoptera: Noctuidade) é um inseto desfolhador polífago, que eventualmente era encontrado na cultura da soja. No entanto, surtos populacionais fizeram com que esta espécie se tornasse um problema, sendo necessário seu controle, feito através de inseticidas químicos. As possíveis causas para estas infestações seriam o excesso no uso de inseticidas, bem como a rotação e sucessão de culturas, que provêm uma oferta contínua de alimento, o que mantém esta espécie nos agroecossistemas. Outro fator que poderia estar contribuindo para estas infestações, é o fato de que diferentes cultivares de soja são plantadas em uma mesma área. A partir disso, para testar a hipótese de que as práticas agrícolas citadas anteriormente podem estar interferindo no desenvolvimento, sobrevivência e reprodução de S. eridania, este trabalho objetiva investigar a biologia de S. eridania em diferentes cultivares de soja e culturas de entressafra, para propor táticas de manejo para esta espécie na cultura da soja. Para tanto, esta pesquisa foi dividida em dois capítulos: I - Biologia e capacidade reprodutiva de S. eridania em diferentes cultivares de soja; II - Desenvolvimento e reprodução de S. eridania em culturas de entressafra da soja. No primeiro capítulo as cultivares utilizadas foram: FMT Tabarana, FMT Tucunaré, BRS/MT Pintado e Monsoy 8757. Os resultados mostraram que todas as cultivares proporcionaram a sobrevivência de S. eridania, porém a cultivar Monsoy 8757 foi a menos adequada, uma vez que juntamente com FMT Tabarana e FMT Tucunaré acresceu instares, alongou o desenvolvimento larval e pupal e reduziu o peso pupal. As culturas de entressafra da soja propostas para os experimentos foram: algodão (FMT 701), milho (Dekalb 370), crotalária (Crotalaria spectabilis), milheto (ADR-300) e girassol (Embrapa 122-V2000). Das culturas avaliadas, somente no algodão e girassol S. eridania completou o seu ciclo de vida. No milho e crotalária, as larvas morreram ainda no 1º instar e, no milheto, houve uma alta mortalidade larval, e somente dois indivíduos atingiram a fase adulta. Levando em consideração os resultados constatados nesta pesquisa, a cultivar de soja Monsoy 8757, bem como as culturas de entressafra, milho, crotalária e milheto interferiram no desenvolvimento e sobrevivência de S. eridania. Sendo assim, estas culturas podem ser indicadas em um plano de manejo para o controle deste inseto, com o intuito de reduzir a multiplicação de S. eridania no campo.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectDissertaçõespt_BR
dc.subjectSpodoptera eridaniapt_BR
dc.subjectSoja - Doenças e pragaspt_BR
dc.subjectLepidopteropt_BR
dc.titleBiologia de Spodoptera eridania (Cramer) (Lepidoptera : Noctuidae) em diferentes cultivares de soja e culturas de entressafrapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record