Show simple item record

dc.contributor.authorAzevedo, Sayuri Unoki dept_BR
dc.contributor.otherVoese, Simone Bernardespt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduaçao em Contabilidadept_BR
dc.date.accessioned2013-07-22T18:28:58Z
dc.date.available2013-07-22T18:28:58Z
dc.date.issued2013-07-22
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/30117
dc.description.abstractResumo: A mensuração dos resultados do desempenho dos gestores e de entidades do Terceiro Setor auxilia para um ambiente mais factível e produtivo, pois possibilita demonstrar sua eficiência em relação aos fins sociais que deseja atingir. Em entidades sem fins lucrativos, como ocorre com organizações do Terceiro Setor, o gerenciamento de serviços requer a medição e identificação dos indicadores que são fundamentais para o sucesso gerencial. Moore (2003) propõe o Public Value Scorecard em vez do uso do Balanced Scorecard (BSC) no setor público e em entidades sem fins lucrativos. Assim, o Public Value Scorecard usado no Terceiro Setor adota uma série de Public Values, em vez de fundamentar-se em informações de custo ou lucro, como ocorre no Balanced Scorecard. Este estudo busca propor um sistema de avaliação de desempenho sustentado no modelo conceitual Public Value Scorecard para uma organização social sem fins lucrativos. A presente pesquisa utiliza como teoria que sustenta o estudo a Teoria Institucional, em específico, a primeira parte do processo de Institucionalização de Burns e Scapens (2000), denominada Codificação. O estudo possui abordagem qualitativa e a estratégia de pesquisa baseia-se em um estudo de caso. Alicerçado no construto Avaliação de Desempenho, esta pesquisa divide-se em três categorias: (1) Missão Social; (2) Legitimidade e Suporte; e (3) Capacidade Operacional. A Missão Social possui como variável os indicadores não financeiros, enquanto que as demais categorias possuem tanto os indicadores não financeiros como os financeiros como variáveis. O percurso metodológico baseia-se em: (1) entrevistas semiestruturadas fundamentadas no modelo de avaliação de desempenho do Public Value Scorecard com o Presidente e a Gerente Administrativa da organização, seguido por um feedback das respostas, bem como entrevista semiestruturada com um representante de cada área, também da contábil, examinadas por meio da análise de discurso para validação dos indicadores criados; e (2) pesquisa documental para coleta de dados de avaliação de desempenho junto aos relatórios da Organização, com análise de conteúdo. O resultado desta pesquisa foi a proposta de um Sistema de Avaliação de Desempenho construído para cada uma dos três componentes do Public Value Scorecard, passíveis de serem avaliados de forma segregada e de atribuir-se pesos diferenciados para cada componente (Missão Social; Legitimidade e Suporte; Capacidade Operacional).pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTerceiro setor - Administraçãopt_BR
dc.subjectTerceiro setor - Avaliaçãopt_BR
dc.subjectAssociaçoes sem fins lucrativos - Avaliaçãopt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleModelagem do public value scorecard como instrumento de avaliação de desempenho para uma organização do terceiro setorpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record