Show simple item record

dc.contributor.authorFerreira, Barbara Guerreira Alpandept_BR
dc.contributor.otherZuffellato-Ribas, Katia Christinapt_BR
dc.contributor.otherReissmann, Carlos Brunopt_BR
dc.contributor.otherWendling, Ivarpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Agronomiapt_BR
dc.date.accessioned2013-06-17T18:45:38Z
dc.date.available2013-06-17T18:45:38Z
dc.date.issued2013-06-17
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/30028
dc.description.abstractResumo: O grau de sucesso obtido na propagação vegetativa é determinado pela relação entre diversos fatores, como o genótipo, as condições fisiológicas da planta matriz, as variações dos ambientes de desenvolvimento e a época de coleta do material vegetal. Assim, o objetivo do presente trabalho foi verificar a influência de diferentes ambientes de desenvolvimento das plantas matrizes, das características fenológicas, da nutrição mineral e do potencial genético no processo de formação do sitema radicial para Psychotria nuda (Cham. & Schltdl.) Wawra (Rubiaceae), além de caracterizar anatomicamente o material vegetal e a formação de raízes adventícias. A espécie, com potencial ornamental, farmacêutico e ecológico, é nativa da Floresta Ombrófila Densa, com ocorrência nos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Santa Catarina. No primeiro capítulo, estacas caulinares foram coletadas em quatro fenofases e dois ambientes (planície e encosta) da Floresta Ombrófila Densa, em Antonina-PR, e submetidas às condições de enraizamento. Análises químicas foram realizadas para a determinação da condição nutricional das plantas matrizes. Para as análises anatômicas, descritas no segundo capítulo, amostras de folhas e da base de estacas foram coletadas antes da instalação do experimento de estaquia e, após 60 dias no leito de enraizamento, foram coletadas amostras da base das estacas somente com calos, enraizadas sem calos e enraizadas e com calos. Para verificar a influência do potencial genético (terceiro capitulo), miniestacas foram coletadas de minicepas de nove matrizes, e confeccionadas com 2-4 cm de comprimento e um par de folhas na porção apical. Conclui-se que a estaquia de Psychotria nuda é viável em qualquer fenofase, sendo que em épocas com menor crescimento vegetativo se faz necessário um período maior que 60 dias no leito de enraizamento. Os melhores resultados para a iniciação e desenvolvimento de raízes adventícias ocorrem nas épocas em que as plantas matrizes apresentam maior quantidade de brotações foliares, chegando a 92% de enraizamento. Os ambientes apresentam efeitos sobre o processo de estaquia, onde, no geral, a encosta promoveu os melhores resultados para as variáveis principais relacionadas ao enraizamento. A nutrição mineral das matrizes influencia no processo de estaquia, sendo o comprimento das raízes prejudicado pelos maiores teores de Ca e B. As características anatômicas do caule de estacas coletadas em diferentes ambientes não apresentaram diferenças marcantes em relação a sua estrutura interna; entretanto, entre as folhas existem diferenças estruturais no mesofilo. Cristais de oxalato de cálcio prismáticos foram observados tanto em secções do caule como em folhas, os quais apresentam lamela lipídica recobrindo os cristais, não sendo encontradas referências na literatura sobre essa estrutura. As raízes adventícias são formadas diretamente do câmbio vascular e os calos formados na região cambial e na medula. Não foram detectadas barreiras anatômicas à indução radicial, indicando que esta espécie possui características anatômicas que facilitam a formação de raízes adventícias. O processo de formação e desenvolvimento de raízes adventícias em miniestacas de Psychotria nuda é influenciado pelas características genéticas das plantas matrizes, uma vez que as matrizes 41, 51 e 56 apresentaram superioridade na formação do sistema radicial em comparação aos demais. Já a formação de calos, sobrevivência e mortalidade de miniestacas não são influenciadas pelas características individuais das plantas matrizes.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectPlantas - Propagação por estaquiapt_BR
dc.subjectMinerais na nutrição de plantaspt_BR
dc.titleEstaquia de Psychotria nuda(Cham. & Schltdl.) Wawrapt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record