Show simple item record

dc.contributor.authorNeves, Sylvia Malatesta daspt_BR
dc.contributor.otherRamos Filho, Wilsonpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Juridicas. Programa de Pós-Graduaçao em Direitopt_BR
dc.date.accessioned2013-04-17T16:35:59Z
dc.date.available2013-04-17T16:35:59Z
dc.date.issued2013-04-17
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/29944
dc.description.abstractResumo: A pesquisa tem por objeto abordar as relações entre o recente fenômeno de formalização do mercado de trabalho no Brasil e as modificações estruturais na conformação de suas classes sociais, especificamente no que se refere ao subproletariado como fração da classe trabalhadora. Serão considerados, entretanto, como elementos centrais os processos de desregulamentação, flexibilização e precarização das relações de trabalho, cotejados com o atual contexto de enorme geração de postos de trabalho formais. Para essa análise, as localizações social, econômica e política nas quais se têm inserido o subproletariado na sociedade brasileira, por meio do mercado de trabalho, são reveladoras, sugerindo peculiaridades na configuração daquele fenômeno. A hipótese dessa pesquisa é que a incorporação desse subproletariado ao mercado de trabalho se dá mediante a combinação entre a formalização e a precarização. Por fim, a pesquisa apresenta apontamentos sobre um dos segmentos do mercado de trabalho que mais tem se destacado economicamente, o teleatendimento, buscando ressaltar seu papel neste contexto.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectMercado de trabalho - Brasilpt_BR
dc.subjectTelemarketingpt_BR
dc.titleEntre a formalização e a precarizaçãopt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record