Show simple item record

dc.contributor.advisorBerger, Ricardopt_BR
dc.contributor.authorChotguis, Josept_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Engenharia Florestalpt_BR
dc.contributor.otherLevine, Josephpt_BR
dc.date.accessioned2013-05-28T14:16:00Z
dc.date.available2013-05-28T14:16:00Z
dc.date.issued2013-05-28
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/27958
dc.description.abstractO foco principal desta tese é dirigido ao interesse e necessidade do profissional de Ciências Agrárias e refere-se ao seu limitado acesso aos novos conhecimentos acadêmicos causado pela ausência, na universidade convencional, de um sistema andragógico de educação continuada a distância. É considerado que o rápido desenvolvimento do agronegócio brasileiro, assim como a expressiva velocidade em que surgem novas idéias, conhecimentos, conceitos, procedimentos e tecnologias, tem exigido premente atualização e estudo continuado do profissional de Ciências Agrárias. A tese discute os limites da universidade em responder a crescente demanda de conhecimento por parte de aprendizes adultos, especialmente seus ex-alunos graduados. Argumenta-se que o profissional de Ciências Agrárias, que trabalha e vive longe das universidades, sente que, a cada novo dia, o seu conhecimento está perdendo valor, assim como ele está perdendo oportunidades de crescimento profissional. Torna-se quase impossível para esse profissional freqüentar cursos presenciais considerando-se dois fatores limitantes: tempo e distância. Iniciando com a hipótese de que a metodologia educacional praticada pela universidade convencional é pouco apropriada à educação de adultos e, por outro lado, que um sistema de educação a distância pode responder aos interesses e necessidades do profissional em pauta, o autor busca evidências baseadas em fundamentos teóricos de aprendizagem de adultos e educação a distância, assim como pesquisa e analisa três estudo de casos – dois deles ocorridos no estado de Michigan, EUA e um deles no Estado do Paraná, Brasil. A análise desses casos foi conduzida à luz do enfoque teórico da aprendizagem do adulto, principalmente dos conceitos andragógicos de Malcolm Knowles, em um sistema de educação a distância. Como resultado, a tese destaca e propõe componentes essenciais para a construção de um programa de educação continuada a distância para profissionais de Ciências Agrárias. Os principais componentes referem-se a planejamento e execução, tecnologia educacional, interatividade, ambiente de aprendizagem, comunidade virtual, motivação do aprendiz, avaliação em educação a distância, parcerias em cursos a distância, apoio acadêmico e relacional, apoio e motivação de docentes, e comprometimento institucional da universidade com um programa de educação continuada a distânciapt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectCiencias florestais - Estudo e ensinopt_BR
dc.subjectEducação permanentept_BR
dc.subjectEnsino a distânciapt_BR
dc.subjectEducação de adultospt_BR
dc.subjectEstudo e ensino (Pos-graduação)pt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleEducaçao continuada a distância para o profissional de ciencias agráriaspt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record