Show simple item record

dc.contributor.advisorCoelho, Ricardo Weigert, 1952-pt_BR
dc.contributor.authorLima, Malu Cristina de Araujo Montoropt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Educação Físicapt_BR
dc.date.accessioned2018-03-15T14:17:06Z
dc.date.available2018-03-15T14:17:06Z
dc.date.issued2012pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/27756
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Ricardo Weigert Coelhopt_BR
dc.descriptionDissertaçao (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciencias Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Educaçao Física. Defesa: Curitiba, 16/03/2012pt_BR
dc.descriptionBibliografia: fls. 53-78pt_BR
dc.descriptionÁrea de concentraçao: Exercício e esportept_BR
dc.description.abstractResumo: Introdução: A síndrome dolorosa pós-laminectomia lombar é uma das complicações da cirurgia lombar. A dor crônica é uma condição estressante que está presente nestes pacientes. O eixo hipotálamo-hipófise-adrenal é responsável pela condução da resposta neuroendócrina a este agente estressor e a secreção do hormônio cortisol representa o produto final deste eixo. A rotina de atividades destes pacientes pode estar alterada com esta complicação pós-operatória e o nível de atividade física destes pacientes também pode estar alterado em virtude da presença da dor crônica. Objetivo: Identificar a relação da dor crônica com o nível de atividade física e estresse (concentração de cortisol salivar) em pacientes com síndrome dolorosa pós-laminectomia lombar. Materiais e métodos: Os participantes do estudo sofreram cirurgia lombar e a partir do critério da presença de dor lombar crônica foram divididos em dois grupos. O grupo com dor crônica apresentava o diagnóstico clínico de síndrome dolorosa pós-laminectomia lombar. Foi utilizada a escala visual numérica de dor, coleta de saliva para análise da concentração de cortisol salivar e o questionário internacional de atividade física para verificação dos níveis de atividade física destes pacientes. Resultados: A pesquisa contou com 57 pacientes, sendo 44 mulheres e 13 homens, com idade média de 51,07 (SD=12,93) anos. O grupo com dor (G1) foi composto por 42 pacientes e o grupo sem dor (G2) por 15 pacientes. Na AUCG do cortisol encontramos no G1(grupo com dor) uma média de 7336 (DP= 3752) e no G2 (grupo sem dor) uma média de 9561 (DP= 1869). Houve diferença significativa entre as médias da AUCG (p=0,006). Não houve diferença significativa entre os grupos na análise dos resultados do IPAQ (p= 0,54). No G1 houve uma média de 425 (DP= 564,4) e no G2 foi de 530,6 (DP=705,6) MET's. A presença da dor não interfere nos diferentes níveis de atividade física encontrados na pesquisa. Considerações Finais: Os pacientes com dor crônica apresentaram menor concentração de cortisol salivar e o nível de atividade física foi igual entre os grupos. Em investigações futuras, seria importante a investigação do comportamento frente à dor crônica e avaliação multidimensional da dor. Também, a verificação do estilo de vida destes pacientes. O estresse provocado pela dor deveria ser avaliado concomitantemente com aspectos psicossociais para verificação desta possível associação e o acompanhamento do ritmo circadiano da secreção de cortisol através de um número maior de dias na semana e no momento da exacerbação de dor.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: Introduction: Failed back surgery syndrome is one of the complications of low back surgery. Chronic pain is a stressful situation that is on these patients. The hypothalamic-pituitary-adrenal axis is responsible for neuroendocrine factor conduction to this stressor and cortisol hormone secretion represents the final product of this axis. Patient's daily routine activities can be modified by post surgery complication and their physical activity level can also change by the presence of chronic pain. Objective: Identify the relation between chronic pain with stress and physical activity level (salivary cortisol concentration) in patients with failed back surgery syndrome. Materials and methods: The subjects underwent back surgery and from the criterion of presence de chronic low back pain were separated into two groups. The group with chronic pain had a clinical diagnosis of failed back surgery syndrome. Pain Visual Numeric Scale was used to measure perception of pain and Saliva Sample to analyze salivary cortisol concentration and the International Physical Activity Questionnaire to verify physical activity levels in patients. Results: The sample is of 57 patients, being 44 female and 13 male, mean age of 51.07 (SD = 12.93) years old. The group with pain (G1) was consisted of 42 patients and the group with no pain (G2) of 15 patients. In AUCG cortisol found in G1 na average of 7336(SD= 3752) and G2 na average of 9561(SD= 1869).There was a signifcant difference between average AUCG (p= 0.006).There was no significant difference between the groups regarding the level of physical activity (p = 0.54). In G1 there was a average of 425(SD= 564.4) and G2 was 530.6(SD= 705.6) MET’s. The presence of pain doesn’t interfere at different levels of physical activity found in the search. Conclusions: Patients with chronic pain had lower salivary cortisol concentration and physical activity level was similar in both groups. In other studies, it would be important to investigate the behavior in chronic pain and its multidimensional assessment and check patient's lifestyle. The stress due to pain should also be evaluated at the same time of psychosocial aspects to verify possible association among them and the monitoring of circadian rhythm of cortisol secretion through a greater number of days in the week and at the time of pain exacerbation.pt_BR
dc.format.extent78f. : il., grafs., tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectDor lombarpt_BR
dc.subjectCortisolpt_BR
dc.subjectColuna vertebral - Cirurgiapt_BR
dc.subjectLaminectomiapt_BR
dc.subjectEducação físicapt_BR
dc.titleNível de atividade física e concentração de cortisol salivar em pacientes com Síndrome Dolorosa Pós-Laminectomia Lombarpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record