Show simple item record

dc.contributor.advisorRoper, James Josephpt_BR
dc.contributor.authorOliveira, Samuel Lopes dept_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Biológicas. Programa de Pós-Graduaçao em Ecologia e Conservaçaopt_BR
dc.date.accessioned2012-08-24T14:05:05Z
dc.date.available2012-08-24T14:05:05Z
dc.date.issued2012-08-24
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/27628
dc.description.abstractResumo: Frequentemente a abundancia de especies raras nao pode ser estimada por metodos convencionais, como consequencia, o tamanho populacional de muitas especies neotropicais permanece desconhecido. Dentre estas encontramos as arapongas (genero Procnias), as especies deste genero sao de interesses conservacionistas, pois vivem em florestas pouco alteradas. Porem sao dificeis de amostrar, pois habitam florestas densas com a visibilidade prejudicada, a femea possui coloracao criptica e comportamento reservado, os machos vocalizam somente durante o periodo reprodutivo e a captura destas especies e dificil. A araponga (P. nudicollis) e uma especie ameacada e endemica da Mata Atlantica, mesmo assim nao existe dados nem sobre sua dinamica populacional nem sobre seu ciclo reprodutivo. Neste trabalho foi acompanhado todo o ciclo reprodutivo da especie, onde, por meio de contagens, foram obtidos dados sobre a fenologia da atividade dos machos para determinar as dinamicas de canto e abundancia ao longo do ciclo e descobrir o melhor periodo pare gerar a estimativa de densidade. Foi testada a a eficiencia da amostragem por distancia baseada em um transecto em linha em estimar a densidade populacional de Procnias nudicollis, usando triangulacao acustica baseada em duas coordenadas obtidas por GPS, onde foram determinados o angulo de direcao ao macho com uma bussola. Usando as coordenadas e os angulos foram comparados tres metodos para medir a distancia de cada individuo e esta informacao foi usada no programa Distance para estimar a densidade da araponga. Assim, o metodo baseado em triangulacao, onde as distancias e angulos foram estimadas por um script escrito no programa R, e nao necessitava trabalho adicional, reduziu consideravelmente o tempo para a analise, alem de minimizar o erro potencial nos calculos necessarios nos outros dois metodos. Existem aproximadamente 15 machos adultos km-2 (95% CI 11.9-18.7, CV = 11). Assumindo as premissas de razao sexual igual e razao etaria de 2:1, a ultima obtida pelas contagens, a populacao total da area estudada (87 km-2) pode ser estimada em 3915 individuos. O ciclo reprodutivo da araponga durou 163 dias, do inicio de setembro ate o meio de fevereiro. O numero de machos vocalizando aumentou gradualmente durante o ciclo, com o pico dos machos adultos no final de novembro. Machos adultos e jovens apresentaram diferentes periodos de atividade, e possivel que a araponga seja um migrante diferencial, pois o inicio tardio da vocalizacao dos jovens pode indicar padroes diferentes de migracao entre classes etarias. Como o estudo foi realizado em uma area bem preservada e com uma populacao saudavel, este resultado pode ser comparado com estudos populacionais em areas ja degredadas ou em que a especie sofra maior pressao de captura, para ter ideia de como a populacao reage. O metodo de triangulacao acustica pode eficientemente estimar a abundancia da araponga e tem potencial para ser largamente aplicado nao somente para aves, mas para especies florestais de dificil visualizacao que apresentam comportamento de lek ou vocalizam de um ponto por tempo suficiente para triangulacao.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectPássaro - Reproduçãopt_BR
dc.subjectAve - Populaçãopt_BR
dc.titleCiclo reprodutivo e densidade populacional da Araponga (Aves: Cotingidae)pt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record