Show simple item record

dc.contributor.advisorOka-Fiori, Chisatopt_BR
dc.contributor.authorFerreira, Sandra Lessa da Silvapt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias da Terra. Programa de Pós-Graduaçao em Geografiapt_BR
dc.date.accessioned2013-11-13T13:06:45Z
dc.date.available2013-11-13T13:06:45Z
dc.date.issued2013-11-13
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/26319
dc.description.abstractResumo: Considerando o intenso processo de urbanização, as bacias hidrográficas localizadas em áreas urbanas estão sujeitas à maior interferência humana. Adaptando a metodologia desenvolvida por Mendonça (1999), a qual se baseia na Teoria Geral dos Sistemas, a bacia do ribeirão dos Padilhas, localizada na porção sul/sudeste na cidade de Curitiba - PR, será analisada integrando os processos naturais e antrópicos. O presente trabalho tem como enfoque o surgimento e acelerado crescimento do loteamento Bairro Novo e sua relação com a degradação ambiental na área em estudo. Por se tratar de uma pesquisa socioambiental, a desigual distribuição de renda é analisada como agravante das condições de utilização dos recursos hídricos, como o lançamento de esgotos domésticos diretamente nos cursos d'água pela população local que enfrenta graves problemas de moradia e saneamento básico. Composta principalmente por imigrantes de outras cidades do Paraná e até mesmo de outros estados, encontram-se diversas comunidades que se organizaram inicialmente por meio de invasões, ocupando as margens dos cursos d'água. Nos últimos anos, algumas áreas foram desocupadas, porém muitas continuam em situação irregular. O diagnóstico da referida bacia será associado aos aspectos geomorfológicos, resultando no mapeamento hipsométrico, do uso da terra e da degradação ambiental, estabelecendo-se assim a relação entre os aspectos naturais e humanos na análise do ambiente. Concluindo pode-se observar uma realidade de problemas socioambientais não exposta nos cartões postais, e geralmente ignorada pela própria população de Curitiba que absorveu o mito da cidade modelo, originando uma espécie de orgulho coletivo capaz de sobrepor situações preocupantes, especialmente a dos bairros mais afastados do centro.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectBacias hidrograficaspt_BR
dc.subjectRecursos naturais - Conservação - Curitiba (PR)pt_BR
dc.subjectLoteamento - Curitiba (PR)pt_BR
dc.subjectPadilha, Ribeirao dos, Bacia (PR) - Aspctos ambientaispt_BR
dc.titleDiagnóstico socioambiental da Bacia do Ribeirao dos Padilhaspt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record