Show simple item record

dc.contributor.advisorPellico Netto, Sylvio, 1941-pt_BR
dc.contributor.authorHiguchi, Niro, 1952-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Engenharia Florestalpt_BR
dc.date.accessioned2013-06-11T19:02:26Z
dc.date.available2013-06-11T19:02:26Z
dc.date.issued2013-06-11
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/26112
dc.description.abstractResumo: O presente trabalho de pesquisa foi desenvolvido com o propósito de estudar o comportamento da equação volumétrica da variável combinada ou de SPURR, V = a + b D²H, na elaboração de tabelas de volumes comerciais com e sem casca para as seguintes espécies florestais: Canafístula (Leguminosae), Cedro (Meliaceae), Pau-marfim (Rutaceae) e Canelas (Lauraceae). A avaliação desse estudo foi realizado em função do método dos mínimos quadrados, para as condições edafo-climáticas da região compreendida pelo extremo oeste paranaense, ao longo da faixa marginal esquerda do rio Paraná, entre os municípios de Foz do Iguaçu e Guaíra. Após a determinação dos coeficientes de regressão da equação volumétrica proposta, foram elaboradas tabelas de volume, para cada espécie florestal, sendo atribuído maior ênfase ao volume comercial, urna vez que, este o volume utilizado nas indústrias madeireiras, principalmente serrarias. Para uma melhor compreensão do comportamento do volume comercial de uma árvore, foi realizado um estudo, em paralelo, do fator de forma comercial, percentagem de casca e da altura comercial.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPovoamento florestal - Tabelaspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleTabelas de volume para povoamentos nativos de canafístula (Leguminosae), cedro (Meliaceae), pau marfim (Rutaceae)e canelas (Lauraceae), no Extremo Oeste paranaensept_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record