Show simple item record

dc.contributor.authorSantos, Pedro Josemar Pereira dos
dc.contributor.otherBulgacov, Sergio, 1950-
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduação em Administração
dc.date.accessioned2015-11-16T19:14:09Z
dc.date.available2015-11-16T19:14:09Z
dc.date.issued2011
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/26046
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Sergio Bulgacov
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Administração. Defesa: Curitiba, 27/04/2011
dc.descriptionBibliografia: fls. 93-96
dc.descriptionÁrea de concentração: Estratégia e Organizações
dc.description.abstractResumo: O objetivo deste estudo é compreender as relações entre a configuração da organização e o processo de planejamento estratégico. A pesquisa tem como pressuposto, a partir da configuração da organização, o delineamento do processo de planejamento estratégico, que passa a ser subsidiado por processos organizacionais e estratégicos relacionados à configuração que, por sua vez, acaba influenciando o modelo do processo de planejamento estratégico e, esse, a definição das estratégias. De forma complementar buscou-se ratificar/retificar as críticas de Mintzberg ao planejamento estratégico. A configuração da organização foi tipificada pelos parâmetros da história/origem, conteúdo estratégico, design organizacional, perfil dos executivos e forma de gestão por serem considerados representativos do desenho organizacional para o planejamento estratégico. Para atingir esse objetivo foram escolhidas duas organizações com diferentes e contrastantes processos de planejamento estratégico: processo emergente e processo formal. Para o processo emergente utilizou-se a rede Balaroti de materiais de construção. Para o processo formal pesquisou-se a empresa de tecnologia Bematech. Os procedimentos metodológicos se apoiaram no estudo de casos múltiplos e na análise de conteúdo, com a utilização de entrevistas semi-estruturadas e análise de dados secundários das empresas. Os resultados apontaram que a configuração da organização condiciona o processo de planejamento estratégico, com forte relação com a definição das estratégias, que o processo de planejamento estratégico construído tem alto custo de mudança, que o processo emergente pode ser considerado um modelo das interações sociais, que o processo formal continua sendo um modelo atual, que algumas críticas ao planejamento estratégico foram atenuadas devido ao seu aperfeiçoamento e existe uma equivalência entre o processo de planejamento estratégico e o processo estratégico na prática organizacional. Enfim, fortes indícios apontaram que o modelo de planejamento organizacional tem coerência em sua proposta, devendo ser ratificado por novas pesquisas.
dc.description.abstractAbstract: This objective of this study is to understand the relationships between organizational configuration and the process of strategic planning. The study takes as a presupposition that the delineation of the strategic planning process starts from organizational configuration, which goes on to be supported by organizational processes and strategies related to configuration, that in turn end up influencing the strategic planning process model and the definition of strategies. In a complementary way, the study sought to confirm/correct Mintzberg.s criticism of strategic planning. Organizational configuration was typified by parameters of history/origin, strategic content, organizational design, profile of executives and management from, considered representative of organizational design for strategic planning. To achieve this objective, two organizations were chosen, with different and contrasting processes of strategic planning: emerging process and formal process. For the emerging process construction materials company Balaroti was used. For the formal process the technology company Bematech was researched. The methodological procedures were supported by multiple case studies and content analysis, with the use of semi-structured interviews and analysis of secondary company data. The results suggest that organizational configuration can condition the process of strategic planning, with a strong relation to strategy definition, that the strategic planning process constructed has a high cost of change, that the emerging process could be considered a model of social interactions, that the formal process continues to be an up-to-date model, that some criticisms of strategic planning were attenuated due to its improvement and that there exists an equivalence between the process of strategic planning and the strategic process in organizational practice. In summary, strong indications suggest that the proposed model of organizational planning is a coherent one, that should be confirmed by new studies.
dc.format.extent102f. : il., grafs., tabs.
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.languagePortuguês
dc.relationDisponível em formato digital
dc.subjectTeses
dc.subjectPlanejamento estrategico
dc.subjectPlanejamento empresarial
dc.subjectAdministração
dc.subject.ddc658.4012
dc.titleA influência da configuração da organização no processo de planejamento estratégico
dc.typeDissertação


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record