Show simple item record

dc.contributor.authorSantos, Damião Enéias de Melo dos
dc.contributor.otherTakahashi, Adriana Roseli Wunsch
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduação em Administração
dc.date.accessioned2015-11-16T18:59:44Z
dc.date.available2015-11-16T18:59:44Z
dc.date.issued2011
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/25827
dc.descriptionOrientadora : Profa. Dra. Adriana Roseli Wunsch Takahashi
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Administração. Defesa: Curitiba, 15/04/2011
dc.descriptionBibliografia: fls. 193-206
dc.descriptionÁrea de concentração: Estratégia e Organizações
dc.description.abstractResumo: Atualmente, a utilização de recursos passou a ter um papel fundamental dentro das organizações em especial para as estratégias organizacionais, pois junto com a globalização da informação e a aproximação dos mercados, surgem novas configurações ambientais as quais impõem mudanças significativas para a competitividade das empresas. O uso das informações de uma forma geral e do conhecimento em particular passou a ser um dos maiores diferenciais; portadores de uma gama de know-how tácito que se tornam e se efetivam como indispensáveis para as organizações. As empresas passaram a dar mais ênfase à gestão destes conhecimentos, formando um capital estrategicamente imprescindível para as fases de elaboração, implementação e controle de um processo estratégico. Agora, estas empresas estão buscando nesse fluxo integrativo do conhecimento, as práticas ideais para a obtenção de uma vantagem competitiva. Consequentemente, o campo da Administração de Empresas está sendo transformado por novos conceitos ligados as estratégias organizacionais, com ênfase nestas fases do processo estratégico, por meio da Visão Baseada em Recursos, que envolve a criação, utilização e institucionalização do conhecimento. O objetivo deste trabalho foi avaliar, por meio de um estudo de caso, os efeitos da relação entre o fluxo do conhecimento e o processo estratégico, enquanto configuração para a Gestão do Conhecimento. Foi selecionada uma empresa do setor alimentício do município de Medianeira, Estado do Paraná, para este estudo, sendo que uma segunda do mesmo setor foi utilizada como pré-teste. Por meio de entrevistas semi-estruturadas e observação não participante, instrumentalizou-se o problema proposto. O presente estudo adotou uma perspectiva temporal de corte transversal com aproximação longitudinal, sendo o ano 2009 o período escolhido como fonte dos dados secundários. Os resultados apontam a confirmação de uma relação integrada no fluxo do conhecimento com o processo estratégico, e uma relação ainda em fase de desenvolvimento entre a gestão do conhecimento com as estratégias organizacionais, confirmando em grande parte o constructo proposto na base teórico-empírica. Entretanto, as lacunas encontradas apontam para um processo em construção de novos conceitos e ferramentas de gestão para a geração de estratégias competitivas, sustentáveis e duradouras.
dc.description.abstractAbstract: Currently, the use of the resources is having a key role within organizations and in particular for organizational strategies, because along with the globalization of information and the approaching of the markets, appear new environmental settings which require significant changes to the competitiveness of enterprises. The use of the information in general and of the knowledge in particular became one of the largest differentials; with a range of know-how tacit that become and effect as indispensable for organizations. The companies began to give more emphasis to the management of knowledge, forming a capital strategically vital to the phases of development, implementation and control of a strategic process. Now, these companies are seeking in this integrative flow of knowledge, the ideal practices to obtain a competitive advantage. Consequently, the field of Business Administration is being transformed by new concepts linked to the organizational strategies, with emphasis on these stages of the strategic process through the knowledge-based view, which has creation, the use and institutionalization of knowledge. The goal of this work was to evaluate, through a case study, the effects of the relationship between the flow of knowledge and the strategic process, while configuration to the Knowledge-management. One company was selected of the food industry in Medianeira town, State of Paraná, for this study; one second company of the same sector was used as pre-test. Through semi-structured interviews and non-participant observation, it was instrumentalized the proposed problem. This study adopted a temporal perspective of cross-section with longitudinal approach, being the year 2009 the period chosen as the secondary data source. The results pointed out the confirmation of a flood of knowledge integrated in the strategic process, and a relationship still in development phase between the Knowledge-management with the organizational strategies, confirming in great part the theoretical construct underlying the proposed in-empirical base. However, the gaps found are pointing to a process in construction of new management concepts and tools for generating competitive strategies, sustainable and lasting.
dc.format.extent230f. : il. [algumas color.], grafs., tabs.
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.languagePortuguês
dc.relationDisponível em formato digital
dc.subjectTeses
dc.subjectPlanejamento estrategico
dc.subjectGestão do conhecimento
dc.subjectAdministração
dc.subject.ddc658.4012
dc.titleProcesso estratégico e gestão do conhecimento : estudo de caso da Empresa Frimesa, organização do Setor Alimentício do Município de Medianeira - PR.
dc.typeDissertação


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record