Show simple item record

dc.contributor.advisorHoeflich, Vitor Afonso, 1949-pt_BR
dc.contributor.authorSiqueira, Antonio Benedito dept_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Engenharia Florestalpt_BR
dc.date.accessioned2013-05-29T19:03:55Z
dc.date.available2013-05-29T19:03:55Z
dc.date.issued2013-05-29
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/25402
dc.description.abstractEste trabalho investiga a aplicação prática dos princípios da economia comunitária na implantação de projetos florestais organizados por associações de produtores. Assim, o estudo examina as teorias econômicas clássica, keynesiana e kaleckiana quanto aos determinantes do investimento e às fontes de financiamento disponíveis para as empresas em uma economia de mercado. O maior obstáculo para as inversões da firmas reside na sua própria poupança e na aplicação de capital dos seus controladores. Então, a propriedade do capital é condição essencial para que as empresas possam conseguir financiamento nos mercados de capitais e obter crédito bancário. Satisfeita essa condição, o investimento depende da expectativa dos empresários quanto à eficiência marginal do capital. As expectativas de lucros futuros e a propriedade do capital determinam o investimento. Essa racionalidade é a expressão do egoísmo ético smithiano. Ainda que a atividade econômica deva trazer resultados positivos, a decisão de investir dos membros de uma associação de produtores orienta-se pelo altruísmo, que significa sempre trabalhar pensando nos demais membros da sociedade. Ao inverter o propósito da produção, as pessoas vêem-se na condição de atender suas necessidades na medida em que buscam atender aos interesses dos demais membros da comunidade. A decisão de investir, portanto, não está condicionada pela expectativa de lucro. Para financiar o investimento, a associação de produtores conta com a poupança dos seus membros e a complementa por meio do dinheiro de empréstimo e de doação. A coerência dos argumentos lógicos desenvolvidos em todo este trabalho sustenta que associações de produtores constituídas em conformidade com a fraternidade econômica estão apoiadas em alicerces firmes para a obtenção de sucesso econômico e social.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectCooperativas de produtorespt_BR
dc.subjectEconomia florestalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectBoletim Informativo Florestal e Madeireira 2003pt_BR
dc.titleOrganizaçao e financiamento de projeto florestal associativopt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record