Show simple item record

dc.contributor.authorHilgenberg, Fabíola Brennerpt_BR
dc.contributor.otherTavares, Sérgio Fernando, 1960-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Tecnologia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civilpt_BR
dc.date.accessioned2021-07-12T21:07:07Z
dc.date.available2021-07-12T21:07:07Z
dc.date.issued2010pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/25258
dc.descriptionOrientador : Prof. Dr. Sérgio Fernando Tavarespt_BR
dc.descriptionDissertaçao (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduaçao em Construçao Civil. Defesa: Curitiba, 29/03/2010pt_BR
dc.descriptionInclui bibliografiapt_BR
dc.descriptionArea de concentração : Ambiente construídopt_BR
dc.description.abstractResumo: Quando o assunto é o meio ambiente, fala-se em cuidar para que as respostas da natureza às ações do homem sejam retardadas o máximo possível. Porém, as catástrofes naturais ocorridas na primeira década deste século deixaram claro que aquelas respostas já começaram a ocorrer. Diversas atividades humanas contribuíram para a formação deste cenário e a principal delas é a atividade industrial e seus produtos. Neste contexto, destaca-se a indústria da Arquitetura, Engenharia e Construção (AEC). Com a intenção de otimizar o principal produto da indústria AEC, surgem métodos de se avaliar o desempenho mbiental dos edifícios. O trabalho refere-se a um estudo do AQUA (Alta Qualidade Ambiental), um sistema de certificação ambiental para edifícios totalmente baseado no sistema HQE (Haute Qualité Environnementale), que é francês. O AQUA é, contudo, o único sistema aplicado hoje no Brasil que foi adaptado às leis, normas e demais condições brasileiras. O objetivo deste trabalho é avaliar as condições de aplicação do sistema de certificação AQUA, adaptado do HQE, como ferramenta para se construir um edifício sustentável no Brasil. Trata-se de um objetivo de natureza exploratória e seu procedimento técnico de coleta de dados caracteriza um estudo de caso, que é o sistema de certificação AQUA. Para melhor compreensão de um método de análise ambiental, segundo Haapio e Viitaniemi (2008), deve-se investigá-lo buscando identificar primeiramente a tipologia de edifício analisado. Faz-se, depois, o mapeamento das categorias para avaliar quanto e como os requisitos estão submetidos a normas, leis ou conceitos uantitativos. Em seguida, identificam-se os agentes do processo de certificação. Outra questão analisada é a relação das categorias do AQUA com a forma arquitetônica. Finalmente, faz-se uma análise do AQUA, percorrendo-se todas as preocupações das categorias, destacando o tipo de desafio que cada uma delas representa na consolidação do edifício de alto desempenho ambiental.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: When the subject is the environment, we care that the responses of nature to man's actions are delayed as much as possible. In the first decade of this century the natural disasters made it clear that those answers have begun to occur. Various human activities have contributed to the formation of this scenario and the main one is the industrial activity and its products. In this context, we highlight the industry of Architecture, Engineering & Construction (AEC). With the intention of optimizing the main product of the AEC industry, there are methods to evaluate the environmental performance of buildings. This work refers to the study of AQUA (High Environmental Quality), a French environmental certification system for buildings entirely based on the HQE system (Haute Qualité Environnementale). AQUA is, however, the only system used today in Brazil that was adapted to the laws, rules and other conditions of our country. The objective of this study is to evaluate the conditions of application of the certification system AQUA, adapted from HQE, as a tool to build a sustainable building in Brazil. This work has an exploratory nature and its technical process of data collection features a case study, which is the system of certification AQUA. According to Haapio Viitaniemi (2008), for better understanding a method of environmental analysis, it should be investigated in order to identify the type of building it can analyze. It is then made the mapping of categories to valuate how much and how the requirements are linked to rules, laws or quantitative concepts. After that, it is necessary to identifie the agents of the certification process. Besides that, the relationship of the ategories of AQUA with architectural form is discussed. Finally, an analysis of AQUA is made, through all the concerns of the categories, highlighting the type of challenge that each one represents on the onsolidation of building a high-performance environment.pt_BR
dc.format.extent153p. : il. algumas color., grafs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectEdificiospt_BR
dc.subjectArquitetura sustentávelpt_BR
dc.subjectQualidade ambientalpt_BR
dc.subjectEdificios - Engenharia ambientalpt_BR
dc.subjectEngenharia Civilpt_BR
dc.titleSistemas de certificação ambiental para edifícios : estudo de caso : Aquapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record