Show simple item record

dc.contributor.advisorPedrosa-Macedo, Jose Henriquept_BR
dc.contributor.authorVitorino, Marcelo Dinizpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Engenharia Florestalpt_BR
dc.date.accessioned2013-06-27T18:52:35Z
dc.date.available2013-06-27T18:52:35Z
dc.date.issued2013-06-27
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/25249
dc.description.abstractO presente trabalho teve como objetivo estudar aspectos biológicos e de especificidade de Tectococcus ovatus (Homoptera, Eriococcidae), inseto causador da galha da folha do araçazeiro, Psidium cattleianum (Myrtaceae), com a finalidade de se obterem dados para a realização do controle biológico desta mirtácea, pela ação do referido eriococcídeo. Foram realizadas coletas em três municípios do primeiro planalto paranaense: Piraquara, Colombo e São José dos Pinhais. Com os dados obtidos pôde-se conhecer aspectos da biologia e do comportamento do inseto, determinar a variação de tamanho do inseto durante o seu desenvolvimento, conhecer a época do ataque à planta, qualificar e quantificar o tipo de dano, reconhecer a forma de disseminação do inseto, identificar e conhecer aspectos do comportamento de seus inimigos naturais, determinar um modo para a disseminação artificial das ninfas de Tectococcus ovatus, tendo sido possível também, realizar testes preliminares de especificidade com várias espécies de plantas. Os estudos foram conduzidos no Laboratório de Proteção Florestal do curso de Engenharia Florestal da UFPR. Alguns dos principais resultados obtidos foram: do número total de galhas estudadas 45,45% continham T. ovatus, 49,57% foram parasitadas e 4,98% foram predadas. Foram encontradas galhas de T. ovatus em araçazeiros das variedades amarela e vermelha, e também, em maria-preta Psidium spathulatum. A variação encontrada no número de galhas por folha foi de 1 a 97. A reprodução de T. ovatus foi partenogenética facultativa. As ninfas de T. ovatus sugaram a seiva das brotações principalmente entre os meses de maio e julho, sendo este o fator que causa as galhas. Foram encontradas duas espécies de parasitóides e uma de predador atacando T. ovatus. O melhor meio de disseminação foi no campo com pincel.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectAraça - Doenças e pragas - Controle biologicopt_BR
dc.subjectErva daninha - Controle biologicopt_BR
dc.subjectEcologia florestalpt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleAspectos biologicos e de especificidade de Tectococcus ovatus Hempel, 1900 (Homoptera, ericoccidae) para o controle biologico do Araçazeiro Psidium cattleianum Sabine, 1821 (Myrtaceae)pt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record