Show simple item record

dc.contributor.advisorHosokawa, R. T. (Roberto Tuyoshi), 1945-pt_BR
dc.contributor.authorLopez, Miguel Angel, 1958-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Engenharia Florestalpt_BR
dc.date.accessioned2013-06-27T17:57:34Z
dc.date.available2013-06-27T17:57:34Z
dc.date.issued2013-06-27
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/25202
dc.description.abstractO presente estudo foi desenvolvido com a finalidade de fazer uma análise econômica dos custos e subsídios na produçao matória-prima de Pinus s;p., de uso final nas indústrias de celulose, serrarias e laminados a partir de florestas implantadas, na Província de Misiones-Argentina. A escolha das especies do gênero Pinus - Pinus ellíotti-i e Pinus taeda, fundamentou-se na elevada importância e contribuição que as mesmas possuem no crescimento econômico nacional. As atividades de implantaçao, manu- tenção, exploração e transporte, so geradoras de emprego e renda. A produção sustenta o fornecimento de mataria-prima às industrias locais de celulose, celulõsica-papeleiras, serrarias, resi- níferas e laminadoras, conseqüentemente de produtos semiacabados e/ou acabados ao mercado nacional. Os dados de custos de implan- taço, manutenç.o e administração, assim como o preço da terra foram obtidos diretamente juntos aos produtores da Província de. Misiones, através de entrevistas efetuadas pelo autor da pesquisa, durante os meses de agosto a novembro de 1986. A amostra inicial se constituiu de 61 produtores florestais dos quais 33 foram utilizados na presente pesquisa. Os planos de manejo e suas respectivas produtividades, foram obtidas a partir das estima- çoes de rotações aos 15, 20 e 25 anos. Estimou-se os seguintes parametros: i) Valor Presente dos Custos por hectare (VPC/ha); ii) Relaçao Custo-Preço (C-P) dos produtos obtidos e iii) Funçao de Custo Total; foi efetuado também uma caracterização dos produtores. Nesta estimativa, empregou-se três planos de manejo, quatro taxas de desconto e quatro alternativas de análise; sendo que estas combinações consideraram a inclusão e/ou a exclusão do subsídio como receita e do valor da terra como custo de oportunidade, respectivamente. O impacto do subsídio no VPC/ha,varia com as idades de rotação e as taxas de desconto utilizadas, valores que segundo as alternativas de análise participam em 48,79% a 73,09%. O valor da terra muda sua participação no VPC/ha quando varia a taxa de desconto empregada e a rotação, de 12,81% a 9,17% segundo as alternativas. Devido ao subsídio percebeu-se na função de custo total, que produtores com diferentes níveis de produção total, possuem custos totais iguais; efeito esse atribuído ao tratamento linear do subsídio em rela- ço às áreas reflorestadas e aos ganhos de escala. Ressaltou-se a importância sócio-econômica do subsídio na atividade florestal tanto na produção primária como na secundária, assim como pela diminuição da pressão de demanda nas importações de produtos florestais.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectPinheiro - Aspectos economicos - Argentinapt_BR
dc.subjectIncentivos fiscaispt_BR
dc.subjectEconomia florestalpt_BR
dc.subjectProdutos florestais - Custospt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleAnalise economica de custos e subsidios a produção de Pinus spp. na Provincia de Misiones-Argentinapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record