Show simple item record

dc.contributor.authorSilva, Caroline Werner Pereira dapt_BR
dc.contributor.otherBarison, Anderssonpt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Exatas. Programa de Pós-Graduaçao em Químicapt_BR
dc.date.accessioned2011-01-05T11:09:43Z
dc.date.available2011-01-05T11:09:43Z
dc.date.issued2011-01-05
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/25022
dc.description.abstractResumo: ANÁLISE DE BIOFLUIDOS ATRAVÉS DE RMN ALIADA A QUIMIOMETRIA PARA CARACTERIZAÇÃO DE TUMORES E SEU DIAGNÓSTICO PRECOCE. O câncer configura-se como um grande problema de saúde pública tanto nos países desenvolvidos como nos em desenvolvimento. Consiste em uma patologia que não possui sintomas característicos, podendo ser detectado em vários estágios de evolução histopatológica e clínica. Destes fatos resulta, em grande parte, a dificuldade do seu diagnóstico e a afirmativa de que a suspeita de câncer pode surgir diante dos sintomas mais variados possíveis, além da complexidade e custos elevados dos métodos. Para que o tratamento do câncer seja o mais efetivo possível, é necessário que haja uma detecção precoce, antes mesmo do desenvolvimento de sinais e sintomas. No entanto, atualmente nem todos os tipos de câncer podem ser detectados precocemente, o que torna a busca por novas técnicas mais abrangentes, de baixo custo e acessíveis, uma prioridade ública. O surgimento e o desenvolvimento de uma patologia provocam alterações características de um ou mais metabólitos específicos na composição química dos tecidos e/ou biofluidos corporais, que podem atuar como biomarcadores. Neste contexto, estratégias metabolômicas baseadas em dados obtidos através da espectroscopia de RMN de amostras de biofluidos ou tecidos podem atuar como perfis de diagnóstico, uma vez que geram compreensíveis perfis bioquímicos característicos de metabólitos de baixa massa molecular, com a vantagem de serem obtidos com o mínimo de preparo de amostra. Neste trabalho, a RMN de 1H de soro sanguíneo aliada a análises quimiométricas foi utilizad para identificar as alterações metabólicas ocorridas na composição química de biofluidos, como consequências da presença de tumores, usando camundongos como matriz inicial. Após otimização da metodologia, foi possível diagnosticar o tumor ascítico de Ehrlich após cinco dias e tumor Sarcoma 180 após dez dias da inoculação com boa precisão. Identificou-se lipídeos, lipoproteína VLDL e lactato como possíveis biomarcadores da presença do tumor no organismo. Desta forma, a RMN aliada a quimiometria é uma ferramenta com grande potencial para estudar os efeitos da presença de tumores na composição de biofluidos.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.subjectFísico-químicapt_BR
dc.titleAnálise de biofluidos através de RMN aliada a quimiometria para caracterização de tumores e seu diagnóstico precocept_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record