Show simple item record

dc.contributor.authorPalacios, Patrícia Inês Carneiropt_BR
dc.contributor.otherMontoya, Luciano Javierpt_BR
dc.contributor.otherDieckow, Jefersonpt_BR
dc.contributor.otherDedecek, Renato Antôniopt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Agrárias. Programa de Pós-Graduaçao em Ciencias do Solopt_BR
dc.date.accessioned2010-09-13T14:17:11Z
dc.date.available2010-09-13T14:17:11Z
dc.date.issued2010-09-13
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/24248
dc.description.abstractResumo: Mudanças climáticas registradas nos últimos anos têm sido atribuídas ao aumento na concentração dos gases de efeito estufa (GEE) produzido a partir da Revolução Industrial. A existente preocupação tem gerado diversas estratégias para conter o aumento dos GEE. Assim, o seqüestro de carbono constitui uma das principais estratégias para a mitigação do aquecimento global. Dentro dos sistemas terrestres mais importantes para estocar carbono estão as florestas e os sistemas agroflorestais (SAF). No Sul do Brasil, a erva-mate constitui o componente principal de um dos SAF mais antigos e importantes da região, assim o cultivo dela é muito difundido na agricultura familiar. Além dos benefícios econômicos e sociais, o cultivo da erva apresenta potencial de seqüestro de carbono por ser uma cultura perene e estar em constante crescimento e regeneração da sua biomassa nos intervalos de colheita (Alegre et al., 2007). Neste sentido é finalidade deste trabalho avaliar o seqüestro de carbono no solo em três sistemas de produção com erva mate e em um erval nativo visando valorar o aporte deste beneficio ambiental na sustentabilidade dos sistemas. Alem disso avaliaram-se as propriedades físicas, químicas e biológicas do solo, para assim identificar diferenças na qualidade do solo dos sistemas de produção e determinar o melhor sistema. Quanto ao estoque total de carbono, estatisticamente não houve diferença entre os sistemas. Já quando avaliados as frações labeis de matéria orgânica, estabilidade de agregados, e quociente microbiano o erval nativo seguido do sistema arborizado apresentaram os melhores índices, refletindo a baixa sensibilidade do carbono orgânico total em refletir mudanças súbitas nos ecossistemas.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectErva-mate - Cultivopt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleSistemas de cultivo de erva-matept_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record