Show simple item record

dc.contributor.authorBortolanza, Marizapt_BR
dc.contributor.otherCunha, Claudio da, 1962-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Biológicas. Programa de Pós-Graduaçao em Farmacologiapt_BR
dc.date.accessioned2010-06-14T09:55:02Z
dc.date.available2010-06-14T09:55:02Z
dc.date.issued2010-06-14
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1884/23935
dc.description.abstractResumo: O núcleo tegmentar pedunculopontino (PPTg) projeta-se para os núcleos da base, incluindo a parte compacta da substância negra (SNc), cuja perda neuronial ocorre na doença de Parkinson (DP). Perda parcial e anormalidades funcionais dos neurônios do PPTg também estão associadas com essa doença. Pacientes com DP apresentam prejuízos cognitivos além dos distúrbios motores. Nossa hipótese é de que a interação entre o PPTg e a SNc deve ter um papel importante nos prejuízos cognitivos e, então, investigamos o quanto perturbações nas conexões entre o PPTg e a SNc prejudicam a aprendizagem em um teste de resposta condicionada de esquiva em ratos machos Wistar. Os seguintes grupos foram testados: PPTg-unilateral, SNc-unilateral, PPTg-SNc ipsilateral (lesões ipsilaterais no PPTg e na SNc), PTg-SNc contralateral (lesões contralaterais no PPTg e na SNc) e lesões sham (de cada tipo). As lesões na SNc foram feitas com MPTP e as no PPTg com ácido ibotênico. Após a recuperação, todos os ratos foram submetidos a sessões de 50-tentativas no condicionamento de esquiva ativa de 2- vias durante três dias consecutivos. Ratos com lesão unilateral no PPTg ou SNc aprenderam essa tarefa entretanto, ratos com lesão unilateral combinada (mas não ipsilateral) em ambas estruturas não apresentaram sinal de aprendizagem. Esse efeito não foi devido a prejuízos sensório-motores porque as lesões não afetaram o tempo de reação ao som ou ao choque, nem a atividade locomotora dos animais nos intervalos interprovas durante o condicionamento. Entretanto, um número aumentado de nãorespostas foi observado em ratos com lesões combinadas contralaterais em ambas as estruturas. Esses resultados suportam a hipótese de que uma interação funcional entre o PPTg e a SNc é necessária para a aprendizagem e o desempenho de espostas condicionadas de esquiva.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.subjectTesespt_BR
dc.titleEstudo da interação entre o núcleo tegmentar pedunculopontino e a substância negra Pars Compacta nos processos de aprendizagem e memóriapt_BR
dc.typeTesept_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record