Show simple item record

dc.contributor.authorHickenbick, Claudiapt_BR
dc.contributor.otherSchmidt, Maria Auxiliadora M. S. (Maria Auxiliadora Moreira dos Santos), 1948-pt_BR
dc.contributor.otherUniversidade Federal do Paraná. Setor de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educaçãopt_BR
dc.date.accessioned2020-06-22T18:51:04Z
dc.date.available2020-06-22T18:51:04Z
dc.date.issued2009pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1884/21174
dc.descriptionOrientadora: Profª. Dra. Maria Auxiliadora Moreira dos Santos Schmidtpt_BR
dc.descriptionDissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 26/08/2009pt_BR
dc.descriptionInclui bibliografiapt_BR
dc.description.abstractResumo: Esta é uma pesquisa educacional sobre o significado que os sujeitos da Educação de Jovens e Adultos conferem ao conhecimento histórico. Tomando como referência as perspectivas da pesquisa qualitativa em educação, caracteriza-se como o estudo de um caso específico em que ocorre a relação ensino e aprendizagem da História. O objetivo principal foi analisar as condições que norteiam as relações com o conhecimento, bem como o significado do conhecimento histórico para alunos de um Núcleo de Educação de Jovens e Adultos, da Rede Municipal de Ensino de Florianópolis, no Estado de Santa Catarina, Brasil. O estudo teórico tem como referência a Teoria da História de Jorn Rusen e as investigações já realizadas na área da Educação Histórica, as quais se preocupam, fundamentalmente, com a análise das ideias históricas de jovens, adultos e crianças. Do ponto de vista das condições que podem contribuir para a relação com o conhecimento histórico, procurou-se caracterizar e analisar situações referentes a alunos e não alunos, que frequentam o Núcleo de Educação de Jovens e Adultos, com o intuito de contextualizar aspectos sociais e culturais que poderiam interferir nessas relações. Do ponto de vista das relações com o conhecimento histórico, o estudo privilegiou a análise dos significados que esse conhecimento teve e tem na vida desses sujeitos. Os resultados da investigação indicaram que, em sua maioria, os sujeitos investigados retem, da História escolar, os professores e a estratégia didática. Enquanto a Proposta Pedagógica da Educação de Jovens e Adultos valoriza o ensino via pesquisa, sem ênfase nos conteúdos disciplinares, os alunos apontam elementos que mostram a valorização dos conteúdos específicos da História como disciplina escolar. Da mesma forma, os alunos relacionam-se com a História pela valorização do conhecimento histórico específico, e não pelas suas próprias vivências, ao contrário dos professores que preconizam a relação com as histórias de vida como princípio metodológico. Os alunos manifestam indícios de entendimento da natureza do conhecimento histórico, no que se refere ao caráter investigativo e multiperspectivado desse conhecimento. Os professores, em geral, não se referem à História como um conhecimento especializado e concebem o ensino e a aprendizagem de História a partir de conceitos estruturais, com destaque para a temporalidade, sendo que os conceitos referentes à construção do conhecimento não surgem como importantes. Os resultados da investigação apontam para a necessidade de um debate acerca da natureza da Proposta Pedagógica da Educação de Jovens e Adultos, no que se refere à relação com o conhecimento específico da disciplina História, a qual, como as outras disciplinas, é diluída em projetos de pesquisa e não apresentada sob a forma de conteúdos específicos. Isso corrobora a importância que a Educação Histórica tem dado à necessidade de se valorizar a epistemologia própria da ciência da História na relação ensino e aprendizagem.pt_BR
dc.description.abstractAbstract: This study is an educational research about the meaning of historical knowledge to the subjects in Youngs and Adults Education . Taking the perspectives of qualitative research in education as a reference, it consists of a specific case of the teaching and learning relation of History. The main objective was to analyze the conditions directing knowledge relations, as well as the meaning of historical knowledge for students from the Nucleus of Youngs and Adults Education in the Municipal Teaching Network of Florianópolis, in the state of Santa Catarina, Brazil. The theoretical background is based on Jorn Rusen History Theory and on the existing investigations in the Historical Education area. These theories are specially concerned with the analyzis of the historical ideas of youngs , adults and children. From the point of view of the contributing conditions to the relation with historical knowledge, I attempted to characterize and analyze situations related to students and non students taking the Nucleus of Youngs and Adults Education course, aiming to analyse social and cultural aspects that could interfere in these relations. From the point of view of the relations with historical knowledge, the study focused on the analyzis of the meanings of this knowledge in the subjects' lives. The results of the investigation indicated that most of the subjects still have the teachers and the didactic strategies present in their minds as concerning the school history. The Nucleus of Youngs and Adults Pedagogical Proposal values teaching through research, without emphasizing the disciplinary content of History as a school discipline. In the same way, the students' relation with History values specific historical knowledge rather than their own life experiences as established by teachers as methodological principle. The students present hints of understanding the nature of historical knowledge as concerning the investigative and multi-faced character of that knowledge. Teachers in general do not refer to History as a specialized knowledge and bear the teaching and learning of History from structural concepts, emphasizing the importance of temporality.The concepts related to the construction of knowledge are not considered important. The results of the investigation point out to the necessity do discuss the Pedagogical Proposal of Youngs and Adults Education as concerning the relation with specific knowledge of History as a discipline. Similar to what happens in other disciplines, in History knowledge is diluted in research projects rather than being presented as specific content.The result reinforces the importance that Historical Education has given to the episthemology proper of History as a Science in the teaching and learning relation.pt_BR
dc.format.extent154 f. : tabs.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.relationDisponível em formato digitalpt_BR
dc.subjectDissertações - Educaçãopt_BR
dc.subjectEducação de adultospt_BR
dc.subjectHistoria - Estudo e ensinopt_BR
dc.subjectHistória - Aprendizagempt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.titleLembrança, interesse e história substantiva : significados do ensino e aprendizagem da história para os sujeitos da educação de jovens e adultospt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record